Garoto de 14 anos insultou a árbitra após ser expulso
Reprodução
Garoto de 14 anos insultou a árbitra após ser expulso

Um garoto de 14 anos foi suspenso por um ano após abaixar seu calção e fazer um gesto vulgar para a juíza de uma partida na Itália. O caso aconteceu no dia 22 de maio, em um torneio sub-14, em Veneza.

Leia também: Edina Alves é a 1ª árbitra a apitar na Série A do Brasileiro em mais de 15 anos

O garoto defendia o Treporti, e fez o gesto obsceno depois de ser expulso pela juíza Giulia Nicastro na partida contra o Miranese. A Federação Italiana de Futebol (FIGC, sigla em italiano) descreveu o comportamento do jogador como "totalmente inaceitável" e contestará a punição.

A suspensão do garoto pode ser diminuída pela metade caso ele concorde em fazer um programa de reeducação. Além disso, ele está proibido de frequentar qualquer instalação onde estejam sendo realizadas competições da Federaçaõ Italiana de Futebol.

Você viu?

Garoto fez gesto obsceno para a juíza Giulia Nicastro
Reprodução
Garoto fez gesto obsceno para a juíza Giulia Nicastro

O presidente da FIGC, Gabriele Gravina, disse que vai contestar a decisão no Tribunal, já que acha que a punição não é forte o suficiente.

"Na minha opinião, não deve haver qualquer redução neste comportamento: eu vou intervir na decisão, não é aceitável, não posso esconder minha decepção", disse Grav para a 'BBC Sport' sobre a punição  do garoto que abaixou o calção para a árbitra .

Leia também: "Árbitra sexy" gera polêmica em anúncio que promove curso de formação de juízes

A juiza Giulia Nicastro, de 22 anos, é nascida em Veneza, e já apitou mais de 40 partidas em sua carreira. Há relatos que ela foi assediada durante todo o jogo do Treporti, que se desculpou após a partida.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários