Tamanho do texto

José Carlos Peres falou sobre a ida de Rodrygo para o Real Madrid, projetou Neymar como melhor do mundo, e explicou contratação de Sampaoli

José Carlos Peres elogiou as jóias do Santos
Pedro Ernesto Guerra Azevedo/Santos FC
José Carlos Peres elogiou as jóias do Santos

O presidente do Santos, José Carlos Peres, foi entrevistado pelo jornal "As", da Espanha, e falou sobre sobre a ida de Rodrygo para o Real Madrid, Neymar e a contratação de Jorge Sampaoli.

Ao ser informado sobre a expectativa pela chegada de Rodrygo a Madrid, o dirigente do Santos não poupou elogios ao jovem atacante.

"Será um dos principais nomes do futebol mundial, estou seguro disto. Desde muito jovem, chamou a atenção dos clubes nacionais por seus dribles, ótima finalização e técnica apurada. É um jogador que gostaria que continuasse por mais tempo, mas como não foi possível, não me restou outra opção a não ser pedir o valor que sua qualidade exige", disse Peres.

Rodrygo ao lado de Florentino Pérez, presidente do Real Madrid
Reprodução / Real Madrid
Rodrygo ao lado de Florentino Pérez, presidente do Real Madrid

Questionado se o garoto ficará por mais uma temporada no Brasil, o cartola jogou a responsabilidade da decisão nas mãos da diretoria merengue, mas prometeu se esforçar para manter a jóia por mais um tempo.

"Isso dependerá do Real Madrid. Respeito absolutamente este próximo passo de nosso atleta e desejo muito êxito na Espanha. Se existir a possibilidade, me esforçarei para mantê-lo um pouco mais conosco. É um grande jogador, cria de nossa base, identificado com o clube, e que agrega muito ao plantel", explicou o presidente.

Sobre os rumores da ida de Neymar para Barcelona ou Real Madrid, Peres preferiu desviar o foco e cravou que o craque ainda será eleito o melhor jogador do planeta, além de deixar as portas do clube abertas para o jogador.  

"Estou seguro de que Neymar será o melhor jogador do mundo. É um caminho pavimentado desde seus tempos de Santos. Exatamente por isso que sua negociação deveria ter sido tratada com mais carinho por quem dirigia o clube na época. Neymar é uma criação nossa, e enquanto eu estiver no Santos, ele sempre terá as portas abertas, nem que seja para tomar um simples café".

Escolha de Sampaoli para treinar o Santos

Sampaoli durante partida do Santos
Reprodução / Santos FC
Sampaoli durante partida do Santos

José Carlos Peres explicou também os motivos da contratação de Jorge Sampaoli para ser o treinador da equipe nesta temporada.

"Minha gestão segue a mesma linha dos principais e exitosos modelos de administração do mercado nacional e internacional. Buscamos grandes resultados sempre, mesclando o objetivo de sermos competitivos com austeridade financeira. Só neste primeiro ano de mandato trouxemos atletas que estiveram na última Copa do Mundo e são referência em suas seleções, além do técnico Jorge Sampaoli, que também esteve no Mundial da Rússia e tem muitas qualidades", explicou o presidente do Santos .

    Leia tudo sobre: Futebol