Tamanho do texto

Acordo entre federação e jogadores tem validade até o dia 30 de setembro. Valores do direito de imagem e patrocínios causaram mal-estar na equipe

A seleção da Dinamarca que disputou as Eliminatórias da Copa contra a irlanda
Divulgação
A seleção da Dinamarca que disputou as Eliminatórias da Copa contra a irlanda

Depois da Associação Dinamarquesa de Futebol (DBU) anunciar jogadores das 3ª e 4ª divisões do futebol de campo e também atletas do futsal para amistoso contra a Eslováquia, os jogadores titulares da seleção da Dinamarca entraram em acordo e disputarão a Liga das Nações no próximo domingo.

Leia também: Ex-auxiliar de Maradona diz que Messi fica deprimido jogando pela seleção

O boicote dos jogadores da Dinamarca começou por discordância nos valores de direitos de imagem e comerciais da federação. Uma carta assinada pelo jogador Christian Eriksen, um dos líderes do elenco, dizia que ele e os colegas voltariam ao campo caso houve uma renegociação nos valores.

Naquele momento, a DBU não tinha aceitado e por isso jogadores de ligas inferiores e do futsal enfrentaram ontem a Eslováquia, em amistoso, e perderam por 3 a 0. Após o revés, foi anunciado que a delegação e os jogadores entraram em acordo e disputarão a Liga das Nações com o time titular.

Leia também: UEFA já admite retirar regra de gol fora da Liga dos Campeões

Segundo o jornal Mais Futebol , de Portugal, as partes acertaram um acordo temporário, com vigor até o dia 30 de setembro. A publicação diz que a ruptura foi causada pela vontade de alguns jogadores estabelecerem contratos individuais de patrocínio com empresas concorrentes dos atuais patrocinadores da federação.

O presidente da DBU, Jesper Moller, comentou sobre o caso “É bom para a seleção e para todo o futebol dinamarquês que possamos disputar um jogo importante na Liga das Nações, com a seleção autêntica”.

O reponsável pelo Sindicato dos Jogadores, Mads Oland, disse que o acordo é um “passo importante na direção certa” e que os jogadores estão felizes e preparados para o duelo contra o País de Gales, no próximo domingo.

Leia também: Para técnico do Real Madrid, Modric merece prêmio de melhor do mundo

Seguindo o time titular da Dinamarca para a Copa do Mundo da Rússia 2018, a seleção terá no próximo domingo: Kasper Schmeichel (Leicester); Andreas Christensen (Chelsea); Simon Kjaer (Sevilla), Mathias Jorgensen (Huddersfield); Henrik Dalsgaard (Brentford); Jens Stryger (Udinese); Christian Eriksen (Tottenham); Thomas Delaney (Werder Bremen); Andreas Cornelius (Atalanta); Martin Braithwaite (Bordeaux) e Pione Sisto (Celta Vigo).

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.