Tamanho do texto

Torcedores deixaram a rivalidade de lado e se uniram pela cidade de Gênova. Times tiveram seus jogos adiados na estreia do Campeonato Italiano

Dois jogos do Campeonato Italiano foram adiados após a tragédia em Gênova
Reprodução/Twitter
Dois jogos do Campeonato Italiano foram adiados após a tragédia em Gênova

A Lega Serie A, organizadora da principal divisão do Campeonato Italiano, adiou nesta quinta-feira (16) as partidas do Genoa e da Sampdoria pela primeira rodada da competição, por conta do desabamento da Ponte Morandi, em Gênova.

Leia também: Campeonato Espanhol terá jogos nos Estados Unidos de Real Madrid ou Barcelona

A construção desabou na última terça-feira (14), com mais de 30 veículos em cima. Além das 38 vítimas fatais, o acidente deixou 15 feridos e mais de 600 pessoas desabrigadas, fato que gerou comoção de todos que participam do Campeonato Italiano .

O Genoa iria enfrentar o Milan, em Milão, neste domingo (19). Os torcedores organizados do clube rossoblu, porém, já haviam afirmado anteriormente que boicotariam a partida caso ela fosse disputada. No mesmo dia, a Sampdoria jogaria diante da Fiorentina, em Gênova.

Rivalidade deixada de lado no Campeonato Italiano

Arte que ilustrou bem o espírito dos torcedores antes do início do Campeonato Italiano
Reprodução / Gökçen Eke
Arte que ilustrou bem o espírito dos torcedores antes do início do Campeonato Italiano

Por conta do desabamento da ponte, Genoa e Sampdoria deixaram a rivalidade de lado e se uniram pela cidade de Gênova.

Após a tragédia, uma imagem de torcedores dos dois clubes se abraçando para completar a ponte viralizou nas redes sociais, sendo compartilhada por milhares de pessoas. O desenho foi feito pelo cartunista turco Gökçen Eke.

Leia também: Operário nepalês morre em obra da Copa do Mundo de 2022 no Catar

Anteriormente, a torcida de ambos os clubes organizaram grupos de pessoas para ajudarem a remover lama e escombros das ruas de Gênova após uma enchente que devastou a cidade italiana.

Goleiro do Campeonato Italiano sobreviveu à tragédia

Ex-goleiro do Cagliari, da primeira divisão do Campeonato Italiano, sobreviveu à queda da ponte
Reprodução
Ex-goleiro do Cagliari, da primeira divisão do Campeonato Italiano, sobreviveu à queda da ponte

O italiano Davide Capello , que chegou a defender o Cagliari , clube que joga a primeira divisão da Itália , está entre os sobreviventes do desmoronamento parcial do Viaduto Morandi.

Leia também: Ex-goleiro de time italiano sobrevive à queda de viaduto em Gênova

Atualmente defendendo o Legino, time amador da sexta divisão do Campeonato Italiano , o goleiro de 33 anos afirmou à ANSA que seu carro desmoronou de uma altura de 80 metros e ficou preso nos escombros. "Parecia que eu estava em um filme apocalíptico: escombros por toda parte, tudo desmoronou ao meu redor, uma devastação total", contou o ex-goleiro do Cagliari.

    Leia tudo sobre: Futebol