Tamanho do texto

No embate final entre Mourinho e Arsene Wenger, melhor para o treinador português, que contou com gol de Fellaini nos acréscimos para vencer

No último duelo entre o Arsenal sob o comando de Arsene Wenger diante do Manchester United, neste domingo, pela 36ª rodada do Campeonato Inglês , em Old Trafford, melhor para os comandados de José Mourinho, que venceram por 2 x 1, praticamente assegurando a segunda colocação da Premier League .

Leia também: Confira a classificação atualizada do Campeonato Inglês

Fellaini fez nos acréscimos o gol da vitória do Manchester United sobre o Arsenal
Reprodução/Twitter/premierleague
Fellaini fez nos acréscimos o gol da vitória do Manchester United sobre o Arsenal

O gol que garantiu três pontos para o Manchester United foi de Fellaini, que entrou no segundo tempo e fez nos acréscimos. Antes, Pogba havia aberto o placar no primeiro tempo e, no segundo, Mkhitaryan empatado. Agora, os Diabos Vermelhos somam 77 pontos na segunda colocação e estão quatro à frente do Liverpool, que é terceiro e fez um jogo a mais.

O Arsenal, por sua vez, permanece na sexta colocação, com 57 pontos, e distante do Tottenham, que tem 68 e é o quarto. A vaga na próxima edição da Liga dos Campeões, porém, pode ser garantida caso o time conquiste a Liga Europa - está na semifinal diante do Atlético de Madri. O título seria a melhor maneira de Arsene Wenger encerrar sua história nos Gunners.

Arsene Wenger e José Mourinho se cumprimentam sob os olhares de Sir Alex Ferguson
Reprodução/Twitter/premierleague
Arsene Wenger e José Mourinho se cumprimentam sob os olhares de Sir Alex Ferguson

Leia também: Campeão, City goleia West Ham, chega ao centésimo gol e sonha com 100 pontos

Ficha técnica

Manchester United 2 x 1 Arsenal

Data: Domingo, 29 de abril, às 12h30, horário de Brasília
Local: Old Trafford, em Manchester, na Inglaterra
Árbitro: Kevin Friend (ING)
Assistentes: Simon Bennett e Edward Smart (ambos ING)
Cartões amarelos: Xhaka, aos 24'/1ºT (ARS)
Gols: Pogba, aos 16'/1ºT (1x0), Mkhitaryan, aos 6'/2ºT (1x1), Fellaini, aos 46'/2º (2x1)
Público: 75.035 torcedores
Manchester United: De Gea, Valencia, Smalling, Lindelöf e Ashley Young; Matic, Ander Herrera (Ander Herrera, aos 19'/2ºT) e Pogba; Lingard (Fellaini, aos 19'/2ºT), Alexis Sánchez e Lukaku (Rashford, aos 5'/2ºT)
Técnico: José Mourinho
Arsenal: Ospina, Bellerín, Chambers, Mavropanos e Kolasinac (Nacho Monreal, aos 19'/2ºT); Maitland-Niles, Xhaka, Mkhitaryan (Wilock, aos 31'/2ºT), Iwobi e Nelson (Welbeck, aos 19'/2ºT); Aubameyang
Técnico: Arsene Wenger

Leia também: Chelsea vence Swansea fora de casa e se aproxima da zona da Champions no Inglês

A próxima partida do Manchester United será na sexta-feira, dia 4 de maio, às 16h, fora de casa contra o Brighton. O Arsenal receberá o Burnley um dia depois, às 11h.

    Leia tudo sobre: futebol

    Notícias Recomendadas

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.