Tamanho do texto

Árbitro achou que o atacante Sanchez Watt estava tirando sarro de um cartão amarelo e o expulsou. Depois a confusão foi esclarecida

Jogador Sanchez Watt levou o vermelho após confusão, mas depois o árbitro retirou a punição
Twitter/Reprodução
Jogador Sanchez Watt levou o vermelho após confusão, mas depois o árbitro retirou a punição

Um fato inusitado - para não dizer inédito - chamou atenção no futebol inglês nesta semana. No duelo válido pela National League South, a sexta divisão do país, entre Hemel Hempstead Town e East Thurrock, disputado na noite desta terça-feira, um jogador do time da casa foi expulso por causa do seu sobrenome. 

Leia também: Daniel Alves é alvo de críticas após gesto polêmico e escatológico contra CR7

Não entendeu? Mas foi exatamente isso. Sanchez Watt recebeu o cartão amarelo por cometer uma falta e o árbitro Dean Hulme perguntou qual era o seu nome para registar a punição. Foi então que o jogador respondeu "Watt", que é o seu sobrenome. O juiz perguntou mais algumas vezes qual era o seu nome e o atleta novamente dizia "Watt".

Sanchez Watt foi revelado no Arsenal
Site oficial
Sanchez Watt foi revelado no Arsenal

O árbitro interpretou a resposta como "What?", que, em português, significa "O que?", considerando que o jogador estava tirando sarro da situação, o desrespeitando. Por conta disso, Dean Hulme não pensou duas vezes e aplicou o cartão vermelho.

Leia também: Jogador é flagrado fazendo xixi em árvore durante treino; assista o vídeo

Foi necessária a intervenção de Jordan Parkes, capitão do Hemel Hempstead Town, para que o árbitro entendesse a confusão e retirasse o cartão vermelho a Sanchez Watt , atacante inglês de 27 anos de idade revelado no Arsenal e com passagens por outros clubes de menor expressão, como Leeds United, Sheffield Wednesday, Colchester United e Crawley Town.

"Foi um erro e o árbitro foi homem o suficiente para retificar. No final das contas a gente acabou achando tudo isso divertido, incluindo o próprio árbitro", disse Dave Boggins, presidente do Hemel, em entrevista à BBC Sport.

Leia também: Torcedor é flagrado se masturbando na arquibancada e acaba expulso

E ele fez gol

Independente de toda confusão, o Hemel Hempstead Town venceu o East Thurrock por 2 a 0, com direito a gol de Sanchez Watt, o jogador central da polêmica. O outro tento foi de Jordan Parkes. Com o triunfo, o Hemel assumiu a quinta colocação da National League South com 52 pontos, enquanto o East Thurrock é o 13º na tabela com 30 pontos.

    Leia tudo sobre: Futebol
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.