Tamanho do texto

Mesmo sem espaço no Sevilla, meia preferiu não se transferir para uma liga menor; publicação diz que clubes da Turquia também o procuraram

A fase de Paulo Henrique Ganso não é boa - e já faz tempo. O meia não entrou em campo ainda neste ano e está fora dos planos do técnico do Sevilla , Vicenzo Montella, que o tirou da lista de inscritos para o mata-mata da Liga dos Campeões. Ele até tentou ser negociado, mas por receber ofertas apenas de ligas menores, não quis aceitar, de acordo com o jornal ABC de Sevilla .

Leia também: Dono dos Patriots declara: "Neymar vai se juntar a nós na MLS"

Ganso não tem tido muitas oportunidades dentro de campo com a camisa do Sevilla
Divulgação
Ganso não tem tido muitas oportunidades dentro de campo com a camisa do Sevilla

Segundo a publicação, chegou até Ganso uma proposta do Orlando City , que joga a Major League Soccer (MLS), para que ele substituísse Kaká, que se aposentou recentemente. O brasileiro, porém, não gostou da ideia de jogar nos Estados Unidos e recusou. O contrato do meia com o clube espanhol vai até 2021 e seu salário é de 2 milhões de euros (cerca de R$ 7,9 milhões) por temporada, quantia que o clube norte-americano estava disposto a pagar.

Leia também: Técnico do PSG achava que Lucas vazava informações à imprensa, diz jornal

Outro jornal espanhol, o Marca, publicou nesta quinta-feira, que Ganso foi procurado por clubes do futebol turco, mas as negociações não deram certo por vontade do próprio atleta. Outras equipes da própria Espanha teriam sondado o ex-jogador de Santos e São Paulo, mas, por conta dos valores, se afastaram. A publicação diz que PH Ganso está convencido que pode ter chances com o novo treinador do Sevilla.

Leia também: Árbitro que agrediu brasileiro no Campeonato Francês é suspenso por 3 meses

Carreira

Hoje com 28 anos, o paraense Ganso surgiu no profissional no Santos, em 2008. No clube alvinegro despontou, dois anos depois, como um dos melhores meias do país e cotado para ser titular na seleção brasileira. Múltiplas lesões o fizeram cair de produção. Foi para o São Paulo em 2012 e lá ficou até 2016, mas sem o mesmo sucesso que teve no clube anterior. Desde 2016, está no Sevilla e não completou nem 30 jogos oficiais até janeiro de 2018.

Clique e baixe o 365Scores para ter resultados, dados, notícias, tempo real, vídeos e muito mais


    Leia tudo sobre: futebol