Tamanho do texto

Francês recordou momento triste de sua vida e contou qual foi a reação de alguns dos companheiros: "Eles me disseram que me viam como um cadáver"

O francês Eric Abidal sofreu com um câncer no fígado, em 2011, quando jogava no Barcelona , e precisou passar por uma cirurgia para se recuperar. Nesta semana, ele recordou a situação durante uma entrevista ao Canal + e contou qual foi a reação de alguns companheiros de time, como Lionel Messi .

Leia também: Philippe Coutinho sobre jogar ao lado de Messi: "É uma honra muito grande"

Abidal lutou contra um câncer no fígado em 2011, quando era jogador do Barcelona
Divulgação
Abidal lutou contra um câncer no fígado em 2011, quando era jogador do Barcelona

"Alguns jogadores me viram muito magro. Eu fiz um vídeo para animar o time antes de um jogo, sabe o que Messi me disse? 'Não nos envie mais vídeos assim, que nos faz mal'. Eu não me via mal dessa forma, me via bem e dizia 'ânimo, rapazes'. Mas eles me disseram que me viam como um cadáver e que isso os deixou destruídos", afirmou Abidal .

Thierry Henry, no entanto, foi um dos poucos companheiros que teve coragem de ver a situação física do lateral durante o tratamento e foi visitá-lo no hospital. "Quando vi Titi, eu chorei como uma criança. Não queria que ele me visse assim, mas, ao mesmo tempo, gostava que ele vinha me ver", relembrou.

Leia também: Neymar faz mais gols pela seleção quando está com Bruna Marquezine, diz pesquisa

O ex-jogador do Barcelona e da seleção francesa falou ainda sobre as dificuldades que teve que enfrentar na recuperação e que torce para que ninguém sofra com algo parecido. “Eu tenho essa dor gravada para a vida. Era insuportável, era como uma faca. Quando o médico me disse que eu deveria operar de novo, fiquei feliz. Foi um sofrimento que não desejo para ninguém”, ponderou.

Por fim, o ex-jogador revelou que Daniel Alves foi um dos que mais se preocupou com ele quando precisou passar por outro procedimento cirúrgico, em 2012. “Quando anunciei que precisava de um transplante de fígado, Dani Alves me ofereceu seu fígado. Ele estava falando sério, mas eu não pude aceitar isso. Ele também tem uma família e uma carreira. Era demais”.

Leia também: Manchester City faz nova oferta milionária por Alexis Sánchez, diz jornal inglês

História

Hoje com 38 anos, Abidal disputou 193 partidas oficiais pelo Barcelona e venceu a Liga dos Campeões duas vezes, assim como o Mundial de Clubes, além de quatro títulos do Campeonato Espanhol, duas Copas do Rei, entre outros. Jogou também pelo Monaco, Lille,
Lyon e Olympiacos. Pela seleção francesa disputou duas Copas do Mundo.

    Leia tudo sobre: futebol