Tamanho do texto

Atacante Roberto Ovelar não é mais atleta do Junior Barranquilla, da Colômbia. Ele acusa Teo Gutiérrez de tentar seduzir Gladys Ortega

Jogador Roberto Ovelar e Gladys Ortega. Ele decidiu sair do Junior Barranquilla após assediarem sua mulher
Arquivo pessoal
Jogador Roberto Ovelar e Gladys Ortega. Ele decidiu sair do Junior Barranquilla após assediarem sua mulher

O atacante paraguaio Roberto Ovelar , de 32 anos de idade, tomou uma atitude drástica após ver um companheiro de time assediar sua mulher, a bela Gladys Ortega: após quatro temporadas, o jogador resolveu deixar o Junior Barranquilla, da Colômbia.

Leia também: Atacante ex-Fla e Inter é o brasileiro que mais marcou gols no mundo em 2017

Ovelar alegou que Gladys foi assediada por Teo Gutiérrez, experiente atacante que também joga na equipe colombiana. Ao pedir rescisão de contrato, o jogador disse que o clima ruim causado por conta dessa situação constrangedora prejudicaria todo o elenco.

Leia também: Cristiano Ronaldo se irrita com elogios a Neymar e pode deixar o Real Madrid

Gladys Ortega, mulher de Roberto Ovelar, mostrou a ele mensagens enviadas pela internet de uma conta oficial de Teo Gutiérrez, que negou as acusações afirmando que não é ele quem mexe nas suas próprias contas nas redes sociais, tendo uma equipe para fazer isso.

Leia também: Rivaldo diz que se jogasse hoje teria ganho mais de uma Bola de Ouro

Cada mañana amanecer a tu lado es una bendicion mi amor gracias por tanto te amo @angieygladys19

Uma publicação compartilhada por Bufalo Ovelar ⚽ (@bufaloovelar85) em

Nova casa no ano que vem

Diante de toda polêmica, a imprensa local indica que Ovelar jogará no Millonarios, também da Colômbia, a partir de 2018. O jogador paraguaio tem passagens por Cerro Porteño (Paraguai), Universidad San Martín (Peru), Cruz Azul (México), Alianza Lima (Peru), Universidad Católica (Chile) e Juan Aurich (Peru), antes de chegar ao Junior Barranquilla em 2014.

    Leia tudo sobre: Futebol