Tamanho do texto

Sueco e espanhol trabalharam juntos no Barcelona e até hoje o atacante guarda rancor por ter parado na reserva após reclamar do esquema tático

O atacante do Manchester United , Zlatan Ibrahimovic, já contou, em sua biografia, lançada em 2013, que não era nada amigo de Pep Guardiola quando trabalhou com ele no Barcelona . Nesta terça-feira, o sueco voltou a falar sobre o treinador e disse que ele tinha preconceito por conta de seus carros e ainda o chamou de imaturo.

Leia também: Buffon já considera voltar à seleção italiana: "Jogar a Euro 2020? Quem sabe"

Ibrahimovic e Guardiola trabalharam juntos no Barcelona em 2009 e 2010
Divulgação
Ibrahimovic e Guardiola trabalharam juntos no Barcelona em 2009 e 2010

"O problema era dele. Ele que não conseguiu resolver o problema comigo. Eu lembro do meu primeiro dia, que ele me disse que os jogadores do Barcelona não chegavam aos treinos em Ferraris ou Porsches. Ele já tinha julgado ali, mas se você não conhece a pessoa, não deve julgá-la. Eu tinha minha experiência com ele, não sei dos outros. Eu só li que a mesma coisa aconteceu com Mandzukic e Eto'o. Não foi o pior técnico que trabalhei, mas certamente foi o mais imaturo porque um homem resolve seus problemas", disse Ibrahimovic em entrevista ao canal Sky Sports Italia .

A respeito dos 'problemas não resolvidos' pelo treinador, Ibra afirmou que Guardiola não conseguiu ser um bom gestor de elenco à época no Barcelona, e priorizou Lionel Messi, principal jogador. Ele argumenta ainda que foi para o banco de reservas e passou a ser ignorado pelo espanhol após reclamar do esquema tático.

Leia também: Confira lista das piores contratações do futebol brasileiro de 2017

"Eu marquei muitos gols em meus primeiro seis meses e venci duas Supercopas. Os primeiros seis meses foram perfeitos. Depois disso, nós mudamos o sistema e as táticas, e isso não foi bom para mim. Então, o clube me disse para conversar com Guardiola, e eu disse para o Guardiola que ele tinha sacrificado os outros jogadores pelo Messi. Ele disse que me entendia. Depois, ele me colocou no banco no jogo seguinte, depois no outro e no outro. Eu pensei: 'Ele resolveu o problema muito bem'. Depois, ele não falou comigo nem sequer olhou para mim", acrescentou.

Situações

Leia também: Atacante brasileiro assume gestão de clube cearense e pode jogar a Copa 2018

Ibrahimovic e Guardiola trabalharam juntos no Barcelona de 2009 a 2010 e hoje são rivais. Enquanto o atacante está no Manchester United, o treinador comanda o Manchester City, melhor time europeu até o momento. No último domingo, os dois se enfrentaram no clássico de Manchester e o técnico levou a melhor, vencendo por 2 a 1.

Clique e baixe o 365Scores para ter resultados, dados, notícias, tempo real, vídeos e muito mais


    Leia tudo sobre: futebol