Flamengo levou o troféu para casa
Instagram
Flamengo levou o troféu para casa

O primeiro campeão estadual de 2020, ainda durante a pandemia da covid-19, foi conhecido nesta quarta-feira. O Flamengo se tornou bicampeão do Campeonato Carioca, após vencer o  Fluminense por 1 a 0, no Maracanã.

O rubro-negro, que havia vencido o primeiro jogo por 2 a 1 e jogava pelo empate, conseguiu um gol no final e tornou-se campeão pela 36a vez, o segundo de maneira consecutiva.

O Flamengo foi o primeiro que chegou ao gol adversário. Aos 12 minutos, Bruno Henrique foi lançado na velocidade, driblou Muriel, mas adiantou demais e precisou brecar. Ele, então, rolou a bola para trás na direção de Pedro, que chutou de primeira por cima do gol.

O Fluminense respondeu a altura. Aos 14, Evanílson recebeu ótima bola pela direita da área e bate à esquerda do gol de Diego Alves. A bola acertou a rede pelo lado de fora. Aos 25, após um bom passe por elevação, Nenê encontrou Marcos Paulo sozinho por trás da defesa do Flamengo. O camisa 11 chegou chutando de primeira por cima do gol de Diego Alves. 

Em seguida, Willian Arão arriscou o chute do meio da rua e a bola passou perto da trave esquerda do gol de Muriel. Aos 36, o Flamengo teve outra boa chance. Bruno Henrique recebeu dentro da área, de costas para o gol, e rolou para trás, o zagueiro Leo Pereira chutou de primeira, mas a bola saiu fraca e Muriel não teve dificuldades.

A última boa chance do primeiro tempo foi do Flamengo. Grande jogada de Everton Ribeiro, que girou em cima da marcação e enfou uma bola milimétrica para Pedro. O atacante dominou dentro da área e finalizou cruzado para fora. 

No começo do segundo tempo o rubro-negro foi obrigado a modificar. Com menos de 15 minutos, perdeu dos dois seus principais jogadores. Com dores na panturrilha direito, o lateral-esquerdo Filipe Luís deu lugar a Renê. Logo em seguida, Arrascaeta deixou o campo para a entrada de Michael.

O que se viu, porém, foi um jogo bem pior, com muito perde e ganha e diversos erros técnicos. O Fluminense tentou sangue novo. Ganso e Caio Paulista entram nos lugares de Yago e Evanilson. Porém, eles não conseguiram mudar o rumo da partida.

E, aos 49 minutos, Vitinho roubou a bola no ataque, carregou para a entrada da área e arriscou o chute de canhota. A bola desviou em Nino e encobriu Muriel, que já tinha caído para fazer a defesa.

Ainda deu tempo para uma enorme confusão. Michael pedalou para cima de Hudson, que não gostou e foi tirar satisfação com o atacante do Flamengo. 

Logo após, o juiz apitou o final do jogo e o Flamengo chegou a quinta taça nos últimos dois anos.

    Veja Também

      Mostrar mais