Rodolfo Landim, presidente do Flamengo
Reprodução
Rodolfo Landim, presidente do Flamengo

O Flamengo se pronunciou oficialmente, no início da noite desta quarta-feira, sobre a decisão do TJD-RJ, que permite ao Rubro-Negro exibir a partida na Fla TV, mesmo sem ser o mandante.

Em nota, o clube comemorou a decisão, mas não confirmou se irá exibir ou não a partida com imagens em seu canal oficial.

Pouco depois, por conta das dúvidas que a nota gerou, a comunicação do Flamengo afirmou que o Rubro-Negro só transmitirá a partida caso Globo ou Fluminense não o façam.


Leia a nota na íntegra:


"É com satisfação que informamos que o Tribunal de Justiça Desportiva do Rio de Janeiro acaba de dar razão ao pedido da Procuradoria do TJD para atribuir a ambos os clubes o mando de campo. Com isso, permite ao Flamengo transmitir som e imagem do jogo da final da Taça Rio, através de seu canal oficial de televisão, a FlaTV.

Em face disso, fica garantida a todos os torcedores, sejam eles rubro-negros ou tricolores, a possibilidade de ver o jogo desta final, ao vivo.

Apesar desta decisão favorável, o Flamengo, seguindo o que preconiza a MP 984, que garante que o direito de transmissão é do clube mandante, informa que só exercerá o direito conseguido no TJD caso o imbróglio judicial entre o Fluminense e a Rede Globo de Televisão continue e impeça a transmissão do jogo pelas duas instituições.

O Flamengo mostra assim que só concordou com o pedido feito pela Procuradoria na Justiça por acreditar que, neste momento difícil como o que passamos em nossa sociedade, a possibilidade de ver um espetáculo como a final da Taça Rio de futebol seria importante para todos os torcedores.

Desejamos a todos um ótimo jogo".

    Veja Também

      Mostrar mais