Fábian Bustos não é mais técnico do Santos
Divulgação
Fábian Bustos não é mais técnico do Santos

O Santos anunciou a demissão do técnico argentino Fabián Bustos nesta quinta-feira (07). A decisão da diretoria por reformular o departamento de futebol aconteceu a pós o duro golpe da  eliminação para o Deportivo Táchira, na Vila Belmiro, pela Copa Sul-Americana.


Além do treinador, Edu Dracena pediu demissão do cargo de executivo de futebol e também saem do clube os auxiliares Lucas Ochandorena e Carlos Caicedo, o preparador físico Marcos Conenna, o gerente de futebol Guilherme Lipi e o assessor do gerente Arnaldo Hase.

O Peixe, até pouco tempo, via mesmo em resultados ruins como a derrota para o Palmeiras, na Vila, uma linha de pensamento do treinador sendo bem compreendida pelos atletas. Após a goleada sofrida pelo Corinthians o “caldo” começou a engrossar e a situação se tornou insustentável.

Depois da derrota para o Flamengo neste sábado, por 2 a 1, na Vila Belmiro, a diretoria santista se reuniu para conversar sobre a situação do técnico argentino. A cúpula santista já não via o treinador como uma unanimidade e sua permanência dividia o Comitê de Gestão do clube.

Ficou decidido que o treinador “ganharia” mais uma semana e que jogos na Vila Belmiro, contra o Deportivo Táchira e Atlético-GO, ajudariam o time a voltar a vencer e os ânimos seriam acalmados. Uma eliminação para o time venezuelano, porém, era considerado inaceitável. E foi o que aconteceu.

Fabián Bustos chegou ao Santos em fevereiro de 2022 para vaga do técnico Fábio Carille. O treinador deixou o Barcelona-EQU para assumir o cargo no Peixe. Ao todo, foram 28 jogos, 8 vitórias, 12 empates e 8 derrotas. O argentino deixa o Peixe eliminado na Sul-Americana, próximo de cair na Copa do Brasil e na 10ª colocação do Campeonato Brasileiro.

O Peixe não descarta outras mudança no Departamento de Futebol. Vale lembrar que o clube conta com Marcelo Fernandes e Serginho Chulapa com auxiliares técnicos fixos, além de Arzul e Juninho como preparadores de goleiros.

Veja a nota do Santos:
O Santos FC comunica que decidiu fazer alterações no Departamento de Futebol Profissional. O técnico Fabián Bustos e o executivo de futebol Edu Dracena deixam suas funções no time profissional nesta quinta-feira (7).

Também saem do clube os auxiliares Lucas Ochandorena e Carlos Caicedo, o preparador físico Marcos Conenna, o gerente de futebol Guilherme Lipi e o assessor do gerente Arnaldo Hase.

O Santos FC agradece os serviços prestados pelos profissionais e deseja sorte no decorrer de suas carreiras.

Para o jogo deste domingo (10), contra o Atlético Goianiense, o auxiliar técnico da comissão fixa, Marcelo Fernandes, comanda o time na Vila Belmiro.

O presidente Andres Rueda falará em coletiva de imprensa em data e horário a ser divulgado.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários