Vasco não usará empréstimo inicial da 777 para contratar reforços
Divulgação
Vasco não usará empréstimo inicial da 777 para contratar reforços


A 777 Partners não dará ajuda financeira ao Vasco para contratar reforços neste momento. Segundo o presidente Jorge Salgado, inicialmente a empresa ajudará apenas no mapeamento de nomes que possam reforçar o elenco. O clube não pretende usar parte do empréstimo de R$ 70 milhões feito pelos americanos para fazer contratações.


"Não (pediu liberação de parte do empréstimo para investir no elenco). A ajuda no futebol nesse momento é em termos de mapeamento e sugestões de nomes que possam ser interessantes. Eles têm uma estrutura de scouting e análise de mercado forte com estudos avançados no mercado europeu e sul-americano e se prontificaram a trocar informações com nossa equipe responsável pelo futebol", disse Salgado ao "GE".

Leia Também

"Mas, enquanto a Vasco SAF não for implementada, a responsabilidade final pela definição dos jogadores que virão é do departamento de futebol do Vasco, dentro da nossa realidade atual. Por isso estamos fazendo todo o esforço para progredir com o processo de implantação da SAF, e, aliás, temos uma primeira etapa importante já nessa quinta-feira com a votação no Conselho Deliberativo das alterações estatutárias para disciplinar a constituição da Vasco SAF", completou.

Em encontro na última semana, Josh Wander, sócio-fundador da 777 Partners, se comprometeu com Jorge Salgado a deslocar dois profissionais para ajudar na busca por reforços: Johannes Spors e Sebastian Arenz. Ambos pertencem à equipe de scout do Genoa, clube italiano do qual a 777 é dona.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários