Cano marcou pelo Fluminense contra seu ex-time
Divulgação / Fluminense
Cano marcou pelo Fluminense contra seu ex-time



O Fluminense segue com sua sequência positiva na temporada. Com uma equipe alternativa, o Tricolor se impôs contra o Vasco, no Nilton Santos, venceu com tranquilidade por 2 a 0 e se manteve na liderança da Taça Guanabara. A vitória foi a nona consecutiva em 2020, oito pelo Estadual e uma pela Libertadores.

Veja abaixo galeria de fotos do clássico:


Com o resultado, o Fluminense chegou aos 24 pontos na primeira colocação da competição. Na próxima rodada, o Tricolor encara o Resende, no próximo sábado, em Volta Redonda. Antes, o clube das Laranjeiras joga pela Libertadores contra o Millonarios, em São Januário.

Derrotado contra o Botafogo, o Vasco perde mais um clássico e continua na terceira colocação com 19 pontos. O Cruzmaltino enfrenta a Ferroviária, fora de casa, pela Copa do Brasil na próxima quarta e depois volta a jogar pelo Carioca no domingo contra o Flamengo.

O primeiro tempo foi de amplo domínio do Fluminense no Nilton Santos. Com apenas cinco minutos, o Tricolor saiu na frente do placar. Após bela trama de meio-campo envolvendo Martinelli, Nonato e Ganso, Germán Cano finalizou com perfeição e abriu o placar no Nilton Santos.

Leia Também

Mesmo na frente do placar, o Flu seguiu dominando e balançou as redes novamente aos 15 minutos. Wellington lançou Cano, que tocou para Jhon Arias finalizar sem goleiro. No entanto, o lance acabou sendo anulado porque o argentino estava impedido.

Leia Também

Na parada técnica, Zé Ricardo reclamou bastante da postura da equipe. O Vasco voltou um pouco mais concentrado e o Fluminense teve uma certa oscilação por dez minutos. Porém, na parte final da segunda etapa voltou a dominar.

Nonato e Martinelli tiveram boas chances de ampliar, mas pararam em boas defesas de Thiago Rodrigues. Porém, aos 36 minutos não deu para o goleiro do Vasco. Ganso cobrou escanteio, Nonato se antecipou a zaga vascaína e colocou a bola no fundo das redes do Cruzmaltino.

Antes do intervalo, Pineida perdeu uma grande chance de fazer o terceiro para o Fluminense. E Nenê cobrando falta obrigou Marcos Felipe a fazer uma bela defesa, na única chegada com perigo do Vasco na etapa inicial.

O segundo tempo começou com as duas equipes em uma postura diferente. O Fluminense mais recuado e o Vasco buscando uma reação. No entanto, nenhuma das duas estratégias dava muito certo, o Cruzmaltino pouco criava e o Tricolor não conseguia aproveitar os contra-ataques.

Abel Braga e Zé Ricardo fizeram mudanças na equipe para alterar o panorama da partida. O Fluminense conseguiu corrigir os erros no meio-campo e a partida ficou mais equilibrada. Aos 30 minutos, o Tricolor chegou com muito perigo. Yago Felipe recebeu de Pineira e tocou para Willian Bigode, Thiago Rodrigues fez grande defesa, salvando o Vasco.

Nos últimos minutos, o Fluminense voltou a ter o controle do clássico, mas não conseguiu fazer mais gols. No entanto, o resultado positivo já estava consolidado e o Tricolor conquistou a sua nona vitória seguida na temporada.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários