Meia-atacante do Fluminense estava acertado com time árabe
Divulgação
Meia-atacante do Fluminense estava acertado com time árabe

A contratação do meia-atacante Gabriel Teixeira, do Fluminense, pelo Al Wasl, dos Emirados Árabes, corre o risco de ser cancelada. O impeditivo pode acontecer devido à divergências entre os laudos médicos do jogador e o clube comandado pelo técnico Odair Hellmann. A informação é do portal "GE".

(Veja fotos da promessa do tricolor na galeria abaixo)


O jogador de 20 anos foi aprovado nos exames médicos, porém, não foi o suficiente para o regulamento da liga local não exigir que ele também fosse encaminhado para um Centro Médico da Fifa, em Dubai. Além disso, foi apontado pelo médico do segundo exame um edema muscular e o risco de se tornar uma lesão muscular grau 1.

Leia Também

O plano do Al Wasl era de utilizar o atacante na semifinal do President's Cup, contra o Al Sharjah. O valor investido por 2 milhões de dólares (cerca de R$ 10,8 milhões), pode motivar o clube dos Emirados Árabes a reavaliar a contratação de Gabriel Teixeira.

No entanto, o jogador já estava treinando sem nenhum incômodo com o elenco do Fluminense, após se recuperar de lesões musculares que sentiu no final da última temporada.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários