Arrascaeta negocia renovação de contrato com o Flamengo
Andre Fabiano
Arrascaeta negocia renovação de contrato com o Flamengo

Muito jogo de cintura e paciência: essa é a fórmula da diretoria do Flamengo para domar o empresário de Arrascaeta, Daniel Fonseca, e conseguir, enfim, a renovação do contrato do meia (veja fotos na galeria abaixo).


Nesta segunda-feira, Bruno Spindel e Marcos Braz, diretor de futebol e vice de futebol, respectivamente, têm mais uma batalha marcada com Daniel Fonseca para tentar o acordo final. Apesar da dificuldade que os dois dirigentes vêm enfrentando, há um clima de otimismo para conseguir mais um êxito em uma difícil tratativa.

A negociação se arrasta há um ano (começou em janeiro de 2021) e há acordo com o jogador há meses em relação ao novo tempo do vínculo e base salarial, mas o representante do atleta faz uma exigência que o Rubro-Negro ainda não conseguiu chegar a um denominador comum: compra do percentual dos direitos econômicos (25%) que ainda pertencem ao Defensor, do Uruguai.

No contrato de Arrascaeta com o Flamengo havia metas nos dois primeiros anos do meia no clube que, se fossem batidas, o Rubro-Negro era obrigado a comprar uma parte do percentual do Defensor-URU, mas o jogador não conseguiu atingir o objetivo nem em 2019 e nem em 2020. Porém, Daniel Fonseca alega que o bônus não foi alcançado porque ele foi muito substituído durante as partidas e não por conta da parte técnica e/ou física do atleta.

O Flamengo, por outro lado, se baseia no contrato e não se vê obrigado a adquirir o percentual do Defensor. Por outro lado, não descarta negociar valores e adquirir parte desses direitos, mas não irá aceitar desembolsar 2,5 milhões de euros, cerca de 16 milhões de reais para comprar os 25%.

Daniel Fonseca, através da emoção, tenta convencer o Flamengo a pagar tal montante. A cúpula rubro-negra, por meio da razão, tenta mostrar ao agente que a exigência dele é desproporcional e sem sentido. Outro pedido do agente é que o valor seja pago diretamente a ele para que seja repassado ao Defensor, pois há um temor de que a cifra não seja encaminhada para ele caso o time carioca deposite na conta da equipe uruguaia.

Leia Também

Leia Também

A divisão do dinheiro foi um acordo entre Defensor e Daniel Fonseca quando o Flamengo contratou Arrascaeta, no começo de 2019. Ou seja, o Rubro-Negro teria que consultar o time uruguaio para saber se eles aprovam essa ideia do representante do jogador.

Nas reuniões, Fonseca é um "ator", segundo relatou uma pessoa do Flamengo. Com um discurso sentimental e até de necessidade financeira, mas pedindo vinho de R$ 700 em reunião e portando relógios luxuosos, o agente tenta atingir o coração de Braz e Spindel, que, com gelo no sangue, vão aos poucos ganhando território para conseguir comemorar o "fico" de Arrascaeta por mais tempo.

POST DE GABIGOL TEM INFLUÊNCIA?

Gabigol tirou o sono de muitos torcedores no fim da noite do último domingo. Depois de passar o dia com Arrascaeta e o agente do meia, o camisa 9 escreveu em seu Twitter "se queda". Em poucos minutos a publicação viralizou, e os rubro-negros acharam que seria o anúncio da renovação do uruguaio.

Porém, em contato com a reportagem, um dirigente explicou que "o sentido de 'se queda' é fique. O problema nunca foi o atleta. É o agente. Fique é como se fosse um pedido. 'Se quedò' significa ficou.

No entendimento desse dirigente essa foi mais uma estratégia de Daniel Fonseca, usando a artimanha da emoção, para conseguiu fazer pressão no Flamengo, com a torcida, e assim os dirigentes cederem ao pedido dele. Sem sucesso, e a cúpula mantém a postura.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários