Dhiovanna, ao lado de Gabigol
Reprodução/Instagram
Dhiovanna, ao lado de Gabigol

Dhiovanna Barbosa, irmã de Gabigol, do Flamengo, criou uma grande polêmica nesta semana, após supostamente criticar a cidade e os moradores de Santos,  no litoral de São Paulo.

Na oportunidade, ela falou sobre a forma de se vestir dos santistas. "O povo não sai tão arrumado, então, eu sempre estou muito arrumada, e o povo, tipo assim, mais de boa, sabe? De chinelo, largado, ou com a roupa que usou tipo sete vezes seguidas no mesmo rolê", disse a jovem de 20 anos.

Neste domingo, o assuntou voltou à tona. Isso porque, o atacante Marinho, do Santos, fez uma verdadeira declaração de amor à cidade, em meio as especulações sobre uma possível troca de clube. Muitos internautas, porém, viram uma indireta para a irmã do artilheiro do Flamengo.

Por meio do Instagram, ele escreveu. "Bom dia, cidade de Santos. Hoje acordei pensando quanto que essa cidade é legal, que têm pessoas simples que usam chinelo de dedos e shorts de praia! Coisa normal para cidade de praia, né? Me tornando cada vez mais um cidadão santista, numa cidade que tem um povo acolhedor. Por isso fica aqui meu registro de dizer que amo esse cantinho", afirmou o jogador, que também postou a foto da entrada de Santos e também usou a hashtag "máximoRespeito".

Leia Também

Vale lembrar que, diante da repercussão negativa do que falou, a irmã de Gabriel Barbosa publicou, na última sexta-feira, uma sequência de stories pedindo desculpas aos moradores de Santos. Ela contou que não quis dizer que "as pessoas são pobres", mas concordou que se expressou equivocadamente.

"Porque eu sei que eu não quis dizer nada na maldade. Então, estou fazendo isso aqui pelos meus fãs, que estão tentando me ajudar. Eu me expressei se forma errada, realmente. Eu quis dizer que, por ser de Santos, e aqui ser litoral, as pessoas usam mais chinelo, bermuda, as pessoas não se arrumam, por exemplo, como em São Paulo. Tem muita gente me xingando. Estou vindo aqui pedir minhas desculpas, não queria ter me expressado daquela forma. Não vou mais falar sobre o assunto", concluiu Dhiovanna Barbosa.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários