Gabriel Pirani possui números de expressão no Santos
Reprodução/Instagram
Gabriel Pirani possui números de expressão no Santos

Mesmo na primeira temporada como profissional pelo Santos, Gabriel Pirani (veja fotos na galeria abaixo) possui números de expressão com a equipe comandada por Fábio Carille. Dentre os feitos do camisa 20 em 2021, vale destaque para a liderança em dois quesitos: assistências e jogador que mais atuou pelo time na temporada. Ao todo, foram cinco passes para gol em 60 partidas disputadas em seu ano de estreia pelo time profissional.


O feito de Pirani se torna ainda mais relevante quando comparado a outras promessas dos últimos anos da Vila Belmiro. Os 60 jogos realizados pelo meia em seu primeiro ano como profissional fizeram superar as marcas de Neymar, que atuou por 49 vezes em 2009, Robinho, que jogou 37 partidas em 2002, e Gabigol, com 15 jogos em 2013.

O meia fez sua estreia como profissional na última rodada do Campeonato Brasileiro de 2020, diante do Bahia. Sendo assim, teve sequência nesta temporada e acumula 61 jogos com a camisa do Santos.

Leia Também

“Esses números me trazem a sensação de que o trabalho vem sendo bem feito. Ser o segundo em participações em gols no ano, com tantos jogadores de alto nível e experientes, é um orgulho para mim. Trabalhei para estar no profissional do Santos. Sonhei demais em atuar na Vila Belmiro, diante da nossa torcida. São mais de 10 anos vivendo tudo isso e hoje, posso sentir parte dessa realização. Agora, a missão é trabalhar ainda para me manter em crescimento na próxima temporada. Aprendi e amadureci muito em 2021 e levo grandes ensinamentos para minha evolução em 2022”, disse Pirani.

Com apenas 19 anos, o meio-campista conquistou a confiança dos quatro treinadores (Ariel Holan, Fernando Diniz, Marcelo Fernandes e Fábio Carille), que passaram pelo Santos na temporada. Dos 60 jogos em 2021, Pirani foi titular em 45. Além disso, o atleta esteve entre os dois jogadores com maior participação em gols, obtendo nove no total.

 “O calendário brasileiro é um jogo atrás do outro. 60 jogos em uma temporada de estreia é algo que me deixa muito feliz. Passei por um momento difícil com minha entorse no tornozelo. Ali foi o momento que mais aprendi. Foi complicado, pois era bem raro eu me lesionar na base. Felizmente, consegui dar a volta por cima e voltar melhor ainda. Espero contribuir ainda mais para o Santos na próxima temporada”, afirmou o meia.

Desde os dez anos de idade no Santos, o meio-campista passou por todas as categorias do clube desde o Sub-11, conquistando Campeonatos Paulistas Sub-11 e Sub-13, em 2012 e 2015, respectivamente, e Copa Zico Sub-15, em 2016. Pirani tem contrato com a equipe da Vila Belmiro até dezembro de 2025.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários