Marcos destacou a evolução de Weverton
Reprodução/Twitter
Marcos destacou a evolução de Weverton

Em evento realizado na última quinta-feira (25), a patrocinadora da Libertadores promoveu uma coletiva que além de contar com a presença de Ronaldo Fenômeno comentando sobre o peso do confronto entre Palmeiras e Flamengo , também recebeu  Léo Moura e o ex-goleiro Marcos (confira galeria de fotos abaixo) , campeão da Libertadores de 1999 pelo Palmeiras e ídolo de muitos torcedores alviverdes.


Em entrevista exclusiva ao iG Esporte, além de falar sobre as comparações com Weverton, o ex-goleiro Marcos afirmou não ter problemas quanto ao assunto, mas explicou o motivo de não gostar desse tipo de comparação quando se trata do Palmeiras.

"Ele já está no meu nível. Já é um goleiro evoluído. Faz 10 anos que eu parei de jogar e eu não tenho essas 'neuras' de ser o melhor. Eu não gosto muito de comparações porque é um time centenário, e quando você coloca alguém como o melhor, você meio que elimina a história de um monte de goleiro que passou e que fez o Palmeiras ser do tamanho que ele é", disse Marcos.

Quando questionado sobre a evolução de Weverton e o status atingido, Marcos diz que a torcida não precisa "pagar pedágio" para elogiar o atual titular do gol Palmeirense.

Leia Também

Leia Também

Leia Também

Leia Também

"Pelas conquistas que ele vem tendo, é um cara que está sempre sendo convocado, se modernizou para o estilo que é o futebol hoje, eu acho que a torcida do Palmeiras não precisa pagar pedágio para mim", afirmou.

Marcos ainda completou sua fala dizendo sobre o famoso 'rótulo' de ídolo.

"Ídolo é aquele cara que você gosta, então eu acho que ele já é ídolo, assim como o Fernando Prass e Jaílson", completou o ex-goleiro.

Palmeiras e Flamengo se enfrentam pela final da Libertadores  neste sábado (27), às 17h (horário de Brasília). Ambas equipes buscam conquistar seu terceiro título da competição.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários