Benítez em ação pelo São Paulo
Foto: Rubens Chiri / saopaulofc.net
Benítez em ação pelo São Paulo

O empresário de Martin Benítez, Adrian Castellanos, afirmou que o meia deixará o São Paulo caso o treinador Hernán Crespo siga não utilizando o atleta. Entre as reclamações do agente, estão a falta de tempo dada ao meia e a posição na qual Crespo o escala.

(Veja abaixo galeria de fotos de Benítez)


Em entrevista ao 'Blog do Nicola', o empresário afirmou que Benítez deixará o clube caso sua situação siga a mesma. Ao Globo Esporte, Castellanos confirmou o posicionamento e criticou o técnico.

– Nós respeitamos o Mister e temos boa relação com ele, tanto eu quanto o Martín, mas temos que ser realistas: não tem como ele permanecer se não for utilizado. Quando usa, ele quer que ele faça a função de 5, de marcação, e sabemos que o Benítez é um jogador talentoso, de armação de jogadas. Se for para ser usado assim, não faz sentido ele ficar no São Paulo – disse o agente.

Leia Também

Ainda em tom de crítica ao técnico, o empresário desmentiu as afirmações a respeito das condições físicas de Benítez. Após ser deixado no banco em partidas importantes, como no duelo contra o Palmeiras, pelas quartas de final da Libertadores, Crespo esclareceu que o atleta não tinha condições de jogar. O agente diz o contrário e afirma que o meia não joga por opção do treinador.

– O Benítez sempre esteve bem fisicamente. Nunca falamos nada por respeito, mas chegou um momento em que tenho que falar, senão todo mundo vai achar que o Martin é um jogador incapacitado de atuar por 90 minutos, e isso não é verdade. Ele não joga porque o Mister o tira do jogo. Contra o Racing, por exemplo, ele estava bem e o Mister o tirou de campo. Ele pode jogar bem ou mal, isso é do jogo, mas não quero que a torcida ache que ele não pode atuar por 90 minutos. Ele está bem, está mais magro e com totais condições. Como eu disse, respeitamos a decisão do Crespo, é uma excelente pessoa, mas se não for para jogar na sua posição, não fica – afirmou.

Benítez tem contrato de empréstimo válido até o final desta temporada. O São Paulo precisaria desembolsar uma quantia de três milhões de dólares (cerca de R$ 16 milhões) caso não queira entrar em mais uma negociação. Com o valor alto, é difícil que o clube pague este valor pelo meia, devido à atual crise que o Tricolor passa, embora seja, segundo o empresário de Benítez, a prioridade para o atleta.

Assim, segundo informação do Globo Esporte, o São Paulo busca aumentar o prazo do empréstimo, podendo seguir com o jogador no elenco e sem pagar o alto valor pedido pelos argentinos.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários