Daniel Alves
Reprodução/Instagram
Daniel Alves

Na última semana, mesmo tendo conversas avançadas com o Fluminense, Daniel Alves (veja galeria abaixo) voltou atrás e decidiu não atuar mais na temporada de 2021 e aguardar o fim do ano para decidir seu novo destino. Apesar disso, em entrevista ao podcast "Flow Sport Club", o lateral-direito revelou que quase aceitou a proposta para defender o Athletico-PR e que gostaria de trabalhar com Mario Celso Petraglia, presidente do Furacão.


"Recebi bastante ofertas. Mas, sendo bem sincero, eu peco muitas vezes por isso, mas aqui no Brasil, se eu pudesse estar do lado, ia ser do Petraglia. Esse cara é uma águia gigante de conhecimento, de como fazer as coisas, de não participar de um sistema, de acreditar naquilo que faz. O cara te explica as coisas, e você se apaixona pelo cara. Eu balancei. Mas eu falei, calma, vamos dar um tempo para tudo isso, assimilar. Dar um tempo para eu colocar as ideias no lugar. Qual o preço (estou) disposto a pagar? Não estava, então acabou", disse Daniel Alves.

Leia Também

Livre desde que rescindiu com o São Paulo, o lateral-direito recebeu sondagens de quatro clubes do brasil e do exterior, como informou seu agente. Além do Athletico-PR, houve interesse de Flamengo e Fluminense, sendo o Tricolor o clube com as tratativas mais avançadas.

Após algumas conversas e contrapropostas de ambos os lados, Fluminense e Dani Alves estavam confiantes por um final feliz nas negociações, mas a discordância nos valores fez com que o jogador de 38 anos e seu estafe encerrassem as tratativas com o clube das Laranjeiras.

Daniel Alves anunciou no fim da última semana que irá aguardar o término da temporada para, aí sim, definir seu novo destino em 2022.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários