Mário Bittencourt
Lucas Merçon/FFC
Mário Bittencourt

Nesta sexta-feira (17), em coletiva concedida pelo presidente do Fluminense , Mário Bittencourt , foi revelado pelo dirigente que o Tricolor corre risco de ser punido pela Fifa com perda de pontos e contratação de atletas.


Leia Também

Acontece que o clube carioca foi processado no ano passado pelo STK Samorin , uma filial da Eslováquia, que fazia parte das gestões anteriores de Peter Siemsen e Pedro Abad, por quase 2 milhões de euros (cerca de R$ 12,5 milhões na cotação da época). A parceria durou entre 2015 e 2019.

(Confira abaixo a galeria de fotos do treino do Fluminense)


"O Samorin cobrava 1,6 milhão euros a nós, daquela parceria construída há duas gestões atrás. Nosso departamento jurídico entrou em ação, fez uma excelente defesa, mas mesmo assim, nós conseguimos reduzir o pedido do Samorin, mas fomos condenados na semana passada a pagar 536 mil euros pela FIFA, que é quase um mês de folha do nosso departamento de futebol", disse o presidente do Fluminense, Mário Bittencourt.

"Temos 40 dias para pagar ou tentar um parcelamento, sob pena de ficarmos impedidos de realizar transferências de jogadores, sob pena de perdermos pontos como o Cruzeiro perdeu no Campeonato Brasileiro. Só de dívidas FIFA, que são dívidas de curto prazo, nós temos pra lá de R$ 40 milhões", concluiu.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários