Sergio Neri
Instagram
Sergio Neri

A Rede Record foi condenada a pagar R$ 80 mil ao ex-goleiro Sérgio Neri, de 58 anos e que foi vice-campeão Brasileiro pelo Guarani em 1986. A informação foi dada pelo colunista Rogério Gentile. 

A decisão foi do Tribunal de Justiça de São Paulo e se deu por conta de uma reportagem no "Esporte Fantástico", em 2018, sobre o ex-atleta. Na ocasião, por meio de uma dramatização, a emissora utilizou um ator para retratar o ex-atleta sentado na calçada, em estado de mendicância.

Na ação, Neri apontou que a Record, com base em um depoimento, desvirtuou a realidade e deu entender que ele era o homem na calçada. "A Record colocou Neri em situação vexatória e humilhante", afirmaram à Justiça os advogados.

A emissora, na defesa apresentada no processo, declarou que o intuito da reportagem não foi o de prejudicar a imagem de Neri. Porém, o desembargador Alexandre Coelho afirmou que a reportagem cometeu um abuso no direito de informar, "não tendo comprovado sequer que o relato era condizente com fatos verídicos". 

Diante disso, o TJ manteve a condenação de primeira instância, que ainda cabe recurso, mas reduziu a indenização de R$ 150 mil para R$ 80 mil.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários