Roger Guedes celebra após marcar o gol de empate do Corinthians contra o Juventude
Reprodução
Roger Guedes celebra após marcar o gol de empate do Corinthians contra o Juventude

E o Roger Guedes? Estreou com gol. Nesta terça-feira (7), o atacante garantiu o empate em 1 a 1 do Corinthians contra o Juventude, na Neo Química Arena, pela 19ª rodada do Brasileirão.

A equipe gaúcha saiu na frente ainda no primeiro tempo, com gol de Ricardo Bueno. No entanto, ao 40 minutos da etapa final, Roger Guedes bateu falta precisa para igualar o marcador e manter a sequência invicta de cinco jogos do Timão.

JUVENTUDE VAI PARA CIMA
Logo no primeiro minuto de jogo, o Juventude mostrou que não foi para a Itaquera para ficar atrás, e em uma jogada de Paulo Henrique pela direita, Ricardo Bueno cabeceou e obrigou uma boa intervenção do goleiro Cássio. Essa dupla do Papo ainda levaria mais perigo ao Timão na etapa inicial.

E a equipe de Caxias continuou controlando a ações no primeiro cinco minuto de jogo, sempre de forma vertical, ainda que não tenha levado novo perigo a meta corintiana.

CORINTHIANS RESPONDE

Aos 7 minutos de jogo, o Corinthians começou a responder, após uma arrancada de Renato Augusto que foi parado com uma tesoura na perna, dada pelo volante Dawhan, que recebeu cartão amarelo.

Na sequência, o mesmo Renato Augusto levou perigo ao gol adversário, ao finalizar próximo a meta de Marcelo Carné, em chute na entrada da área, após receber passe lateral do estreante Róger Guedes, que também queria jogo.

JUVENTUDE NÃO SE RETRAI

Mas não foi o crescimento do Corinthians que amedrontou a equipe gaúcha, que se manteve em cima do Timão e levando trabalho ao goleiro Cássio, principalmente em chute de média distância com Guilherme Castilho e Ricardo Bueno.

ROGER GUEDES ESTREIA BEM

Você viu?

Jogando aberto pelo lado esquerdo quis jogo até demais. Em um momento no primeiro tempo, tinha Fábio Santos livre pela esquerda e Renato Augusto pelo meio, mas preferiu a finalização de chapa por cima do gol.

Ainda assim, o atleta foi para cima da marcação, criou oportunidades, mas no segundo tempo acabou caindo de ritmo, até por conta da parte física, já que não atuava oficialmente desde dezembro do ano passador.

JUVENTUDE ABRE O PLACAR

Aos 30 minutos do primeiro tempo, Ricardo Bueno fez valer o faro de artilheiro, aproveitando um cruzamento impecável do lateral-direito Paulo Henrique e ganhou de dois adversários de cabeça.

PAPO QUASE AMPLIA

No último minuto do primeiro tempo, o Juventude não aumentou o placar por pouco, já que Paulinho Boia arrancou pelo lado esquerdo ofensivo, deixou três jogadores para trás, ma quando saiu na cara do gol, acabou adiantando demais.

JUVENTUDE MANTÉM SUPERIORIDADE NO SEGUNDO TEMPO

O segundo tempo se manteve movimentado, mas com menos criações de chances, principalmente do lado corintiano. O Juventude chegou a assustar Cássio em alguns instantes da etapa final, principalmente com a dupla de ataque, Paulinho Boia, que deixou o campo aos 25 minuto do segundo tempo, por conta de câimbras, e Ricardo Bueno.

RÓGER GUEDES ILUMINADO

No segundo tempo, Guedes não repetia a mesma atuação do primeiro tempo, até por conta da parte física, já que ele não entrava em campo há 261 dias. Mas, iluminado, o melhor estava guardado para o final para o camisa 123, que aos 40 minutos bateu uma falta precisa, no bico esquerdo da grande área, no ângulo de Marcelo Carné.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários