Luan
Instagram
Luan

O Corinthians venceu o Ceará por 3 a 1 no último domingo com direito a golaço do estreante Renato Augusto , porém, nem tudo foi alegria no alvinegro paulista. O meia Luan voltou a ser o centro das atenções. Além de completar o quarto jogo consecutivo sem entrar em campo, foi flagrado pelas câmeras da TV Globo com cara fechada no banco de reservas.

A situação do jogador do Corinthians, aliás, chamou a atenção fora do Brasil, com o meia sendo "protagonista" de uma reportagem do tradicional veículo esportivo Olé, da Argentina.

Nela, os hermanos buscam entender o que aconteceu com o jogador que encantou na Libertadores de 2017, principalmente na final diante do Lanús. "O número 7 foi fundamental com seu drible, sua ousadia e seu arremate. Jogava atrás de Lucas Barrios e era o homem criativo que mudava tudo em sua equipe", afirmou o Olé.

A reportagem lembrou que o jogador atuou em 12 dos 14 jogos do Grêmio, marcando oito gols na competição. "Números espetaculares se considerarmos que não atuou como referência da área", afirmou.

Após lembrar que Luan chegou a estar perto de um "salto rumo a grandes times da Europa", o jornal comparou os tempos de glória do atleta com a situação atual.

Você viu?

"Menos de quatro anos depois daquele momento de glória, o jogador vive uma fase difícil sem as luzes dos flashes que se apresentavam naquela época", apontou o Olé, lembrando que, desde que chegou ao Corinthians, o jogador só fez 58 partidas e marcou oito gols, uma média de 0,13, bem longe dos 0,24 no Grêmio, onde fez 45 gols em 189 jogos, além de 37 assistências.

Por fim, os argentinos apontaram que o Corinthians já vê com bons olhos uma venda ou um empréstimo do meia, com o intuito de recuperar o dinheiro investido na contratação.

Vale lembrar que, em entrevista coletiva após o duelo com o Ceará, o técnico Sylvinho falou da situação do meia.

"Em determinado momento teve uma lesão, o Jô assumiu um pouco esse "9" reciclado, o qual tem nos dado bastante resultado também. O Luan, com a qualidade que ele tem, pode voltar a jogar de falso 9, pode jogar de meio-campo, onde ele rende bastante também, e sempre rendeu, é uma questão de processo, de crescimento, de continuidade, que nós estamos dando e estão abertas as possibilidades que nós temos. Há pouco tempo nem o Adson jogava, agora joga, o Luan já teve o seu processo e todos estão tendo", apontou.

Sem dar pistas de quando Luan pode receber uma nova oportunidade, o treinador fez questão de elogiar o desempenho do jogador nos treinamentos, assim como o do restante do elenco. 

"Grandes atletas, grandes jogadores podem jogar juntos, sem nenhum problema e está provado, a história prova isso, quando eu digo que o Luan está treinando muito bem, os outros atletas todos estão treinando muito bem. Existe um processo natural, com a chegada do Giuliano e do Renato, de competitividade dentro do elenco nos treinamentos e isso é muito saudável, todos ganham, e o Luan, como os demais atletas, está treinando muito bem. O Luan sim teve um processo conosco muito bom como falso 9, um atleta que tem muita mobilidade, qualidade técnica, boa conexão de jogo de meio-campo, daí a importância de jogar com atletas que ele conhece, que tem uma boa qualidade também", completou.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários