Flamengo propõe protocolo em reunião, e Secretaria de Saúde não descarta público na final do Carioca
Reprodução
Flamengo propõe protocolo em reunião, e Secretaria de Saúde não descarta público na final do Carioca


A novela recente envolvendo a final do Campeonato Carioca ganhou mais um capítulo. Na tarde desta quinta-feira, a Secretaria Municipal de Saúde do Rio de Janeiro afirmou, em nota, que vai avaliar a possibilidade de haver público no segundo jogo da decisão do Estadual, marcado para 22 de maio. A informação foi divulgada inicialmente pelo site "ge".

A mudança de postura do órgão municipal ocorreu após reunião do presidente do Flamengo , Rodolfo Landim, e o prefeito Eduardo Paes na última quarta-feira. No encontro, o clube rubro-negro propôs apresentar um protocolo de segurança para possibilitar a presença de torcedores no Maracanã. Leia a nota:

- Em reunião com a Secretaria Municipal de Saúde (SMS), para jogos futuros, o Flamengo se propôs a apresentar um protocolo de segurança para ser avaliado. Qualquer decisão que venha a ser tomada pela SMS será baseada em critérios técnicos e científicos, visando a proteção à vida e o controle da pandemia, e após análise criteriosa do Instituto de Vigilância Sanitária (IVISA) e do Centro de Operações de Emergência (COE COVID-19 Rio).

Você viu?

Por falta de tempo, o órgão descartou a presença de público no primeiro jogo da decisão entre Flamengo e Fluminense, neste sábado, às 21h05 (de Brasília), no Maracanã.

Antes, em meio ao lobby do Flamengo, a Secretaria Municipal de Saúde vinha reforçando a proibição de torcedores no estádio, com base no Decreto Rio Nº 48425, de 13 de janeiro de 2021, "que suspende temporariamente a presença de público em estádios e ginásios esportivos, está em vigor".

Na terça-feira, a Federação de Futebol do Rio de Janeiro (Ferj) publicou uma resolução em que apoiava a presença de torcida nas finais do Estadual e da Taça Rio. O Fluminense, no entanto, se mostrou contra à mobilização do Flamengo, assim como Vasco e Botafogo.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários