Hugo Souza
Divulgação
Hugo Souza

Pouca gente sabe, mas os representantes responsáveis pela carreira de Hugo Souza, que conta com o ex-jogador André Bahia, não têm medido esforços no trabalho de orientação e formação na transição de atleta de base para jogador de alto nível. E tudo acontece pela conversa, através do conhecimento dos bastidores do futebol.

Os agentes e os assessores pessoais têm se reunido com Hugo Souza com frequência, no escritório da empresa que toma conta da carreira dele, a Sports Advisor, para por em prática o planejamento de lapidação que todo atleta com muito destaque precisa passar.

A orientação começa no saber lidar com críticas, passa por relacionamento com imprensa, utilização de redes sociais e, principalmente, o significado que ele tem fora de campo por conta da representatividade de ser um negro que atua no gol do Flamengo, algo que pouco aconteceu na história do clube.

A preocupação começou depois das recentes matérias de tabloides brasileiros sobre a vida pessoal de Hugo Souza, como compra de carro, separação, foto em barco durante folga e evento com aglomeração, que contou com "fake news" de traição. Tudo isso, somado a atuações não contundentes, deixaram a cabeça do garoto a mil. Mas vale ressaltar que Hugo Souza não tem histórico de indisciplina e que, segundo uma fonte da reportagem, nunca ingeriu bebida alcoólica.

Você viu?

O estafe tenta mostrar a Hugo Souza é que a expressão dele hoje é diferente. Ele não é mais o "Neneca revelação do Flamengo". Mas, sim, um goleiro que ganhou notoriedade mundial, com direito a interesse real do Ajax, da Holanda, que aguarda o desfecho da situação de Andre Onana, arqueiro pego em doping, para avançar nas tratativas.
PUBLICIDADE

Outro ponto que preocupa os empresários do jogador do Flamengo é que em breve acontecerá a convocação para a seleção brasileira olímpica, um dos focos de Hugo Souza. O planejamento de todos que administram a carreira dele é a presença na lista do técnico Jardine.

A última reunião aconteceu na sexta-feira, véspera de jogo contra o Volta Redonda, que o jogador já sabia que seria reserva na partida mesmo com a ausência de Diego Alves, lesionado. Na conversa, Hugo Souza não demonstrou abatimento pelo fato de ver seu companheiro Gabriel Batista ganhar uma oportunidade, mas revelou no encontro que "iria correr atrás do prejuízo".

Blindado e orientado, Hugo Souza está com a delegação do Flamengo no Chile, onde o Rubro-Negro encara o La Calera nesta terça-feira, às 21h30, pela quarta rodada da Libertadores da América. Sem Diego Alves, machucado, ele surge como a principal opção para a meta do time carioca.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários