Jânio
Reprodução
Jânio

Jânio Carvalho dos Santos , 42 anos, ex-presidente da Mancha Alviverde , torcida organizada do Palmeiras , foi espancado por cerca de 50 homens em galpão onde acontecia um evento de luta no último domingo (10), na cidade de São Bernado do Campo, em São Paulo.

De acordo com informações divulgadas pelo portal UOL, Jânio teria sido agredido por membros pertencentes da própria organização após uma briga que ele e Neilo Ferreira e Silva , outro líder, tiveram na entrada do lugar.

Conforme o portal relatou, Jânio está bem e com alguns hematomas no corpo. Ele foi agredido junto ao seu irmão.

Para ele, o linchamento já estava premeditado. "Ele premeditou isso. Tinha cara da zona sul, da zona norte e do ABC. Não tinha como juntar tanta gente assim de diversos lugares em pouco tempo.", disse ao UOL.

As provocações teriam originado-se de um problema anterior envolvendo a morte de um dos fundadores da Mancha Verde . Jânio e Neilo respondem juntos até mesmo a processos judiciais após agredir seguranças palmeirenses uma tentativa de invasão ao estadio do clube em 2008. 

Você viu?

Porém, Jânio é associado ao assassinato de Moacir Bianchi , um dos fundadores da torcida. Jânio e mais 19 membros foram expulsos da entidade após o ocorrido. Neilo , por sua vez, havia sido expulso após envolver-se em uma briga com torcedores do Corinthians que acarretou a morte de dois torcedores palmeirenses.

A suposta associação a morte de Moacir teria sido o estopim para o desencontro dos dois.




    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários