Manchester United
Instagram
Manchester United

Ed Woodward, vice-presidente do Manchester United,  foi vítima de um protesto contra a adesão do time à  Superliga . A casa do dirigente foi atacada por torcedores na última quinta-feira e a informação foi confirmada hoje.

De acordo com informações preliminares, ninguém estava na residência durante o incidente, que contou com torcedores mascarados.

Após o ocorrido, Woodward, que ingressou no clube em 2005 e está em sua função atual desde 2012, fez um pronunciamento apontando que pretende deixar a equipe no final deste ano, principalmente após fracasso do projeto da Superliga, que foi anunciado no começo da semana passada e causou uma reação em massa no mundo do futebol.

Por sua vez, a polícia de Chesire, cidade inglesa onde Woodward mora, disse ao portal Sky Sports News que não foi acionada.

Vale lembrar que, no mesmo dia, um grupo invadiu o centro de treinamento do clube para se manifestar sobre a gestão da família que controla o United . A imprensa inglesa noticiou ainda que, além dos protestos dos torcedores dos Red Devills, jogadores como o capitão Harry Maguire e o lateral-esquerdo Luke Shaw confrontaram o presidente sobre a decisão de aderir a Superliga.


    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários