Bruno Henrique foi oferecido ao Palmeiras
Alexandre Vidal/CRF
Bruno Henrique foi oferecido ao Palmeiras

Ex-diretor de futebol do Palmeiras, Alexandre Mattos revelou que o atacante Bruno Henrique foi oferecido ao Palmeiras antes de fechar com o Flamengo, já que o Santos não queria negociá-lo com o Rubro-Negro. Em entrevista ao canal "Amici 1914", o cartola disse que o presidente do Santos na época, José Carlos Peres, procurou o do Palmeiras, Maurício Galliotte, e pediu ajuda, já que, segundo ele, o time carioca estava aliciando o jogador.

- Bruno Henrique nunca participou de pedido técnico do Palmeiras e nem de treinador nenhum. Todo mundo achava que ele tinha problema no olho. O próprio Santos vendeu ele pelo mesmo preço ou um pouco menos que comprou porque achou que ele não iria jogar. O Palmeiras nunca ligou - disse Mattos.

- O presidente Maurício Galiotte, em uma reunião com presidentes, o presidente do Santos [à época José Carlos Peres] chamou ele no canto e falou ‘Maurício, você é rico. Me ajuda. O Flamengo esta aliciando o Bruno Henrique. Eu não quero vender ele para o Flamengo. Para o Palmeiras, é difícil porque é rival, mas te vendo por 10 milhões de euros e mais o Raphael Veiga’. O Maurício me ligou. Eu disse ‘Maurício, vão prender todo mundo aqui [se o Bruno Henrique for contratado]. Nós não sabemos como ele está’. Alguém aqui imaginada que o Bruno Henrique iria ser o Bruno Henrique? São coisas do futebol - completou.


Para  contratar Bruno Henrique, o Flamengo desembolsou ao Santos cerca de R$ 23 milhões no início de 2019. Com a camisa rubro-negra, o jogador já conquistou dois Brasileiros, uma Libertadores, dois Cariocas, uma Recopa e uma Supercopa do Brasil.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários