Martín Benítez
Lance!
Martín Benítez

O São Paulo está esperançoso na negociação com o meia Martin Benítez, do Vasco , emprestado pelo Independiente (ARG) . O argentino está por empréstimo ao clube carioca até junho. Em janeiro, o Vasco pagou US$ 250 mil (cerca de R$ 1,4 milhão) ao Independiente para ter Benítez até 30 de junho.

No entanto, há uma cláusula no contrato que define o seguinte. A parte do dia 1º de março, os argentinos poderiam vender o meia, com o Vasco tendo a opção de cobrir a oferta ou então ficar com 15% da transação, segundo o 'GE'.


O São Paulo intensificou nos últimos dias o contato com os representantes do atleta e já possui um acerto encaminhado, tanto com os empresários quanto com a diretoria argentina para um empréstimo até dezembro deste ano. Porém, ainda falta o acerto com o Vasco.

A comissão técnica de Hernán Crespo é um trunfo do Tricolor nas negociações. Benítez trabalhou com o preparador físico Alejandro Kohan, que hoje está no São Paulo. Inclusive, foi a melhor fase do argentino no clube, ou até mesmo, da carreira. Carlos Belmonte falou sobre o jogador em entrevista à 'Rádio Bandeirantes'.

- Considero o Benítez um grande jogador, que tem contrato de empréstimo com o Vasco até o meio do ano. Nós temos o interesse nele, mas sabemos de toda essa dificuldade. Estamos analisando, vendo as possibilidades e achamos um belíssimo jogador, articulador, Lá na frente, quem sabe, mas não estamos ainda nem próximos de um acerto - disse Belmonte.

Na temporada de 2020/21, pelo Vasco da Gama, o argentino, mesmo perdendo muitos jogos por lesões, foi um dos jogadores que mais chamaram a atenção na equipe.

Presente em 24 dos 38 jogos disputados pela equipe no Brasileirão, o meia se envolveu diretamente em quatro gols, marcando dois e dando duas assistências, mas foi um jogador que proporcionou chances à equipe, tendo uma média de 1,5 passe chave por partida.

Sendo um meia que, em muitos momentos, carregava a bola para o ataque, Benítez teve uma média de 1.6 drible por partida, com aproveitamento de 53%, além de ganhar, em média, 5,5 duelos por partida.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários