Rogério Ceni ao lado do pai
Arquivo Pessoal/Reprodução
Rogério Ceni ao lado do pai


Domingo será um dia em que o coração de Eurydes Ceni estará dividido, mas não hesitante quanto à torcida na "final" entre Flamengo e Internacional , a ser disputada no Maracanã,  no duelo entre o vice-líder e o líder do Campeonato Brasileiro, respectivamente. Colorado, o pai de Rogério Ceni afirmou que abrirá mão do fanatismo pelo clube do coração para torcer pelo filho, técnico do Fla.


– Eu sinto muito pelos colorados, que me perdoem, mas como pai do Rogério vou torcer para que ele conquiste esse título. Está em jogo a carreira dele como treinador. Ele precisa das vitórias para ter sucesso nesta profissão. Sinto muito pelo Inter, que não ganha o Brasileirão há muito tempo, mas é o meu filho. Por isso, vou torcer pelo Flamengo - disse o pai de Rogério, em entrevista ao jornal gaúcho "Zero Hora".

Eurydes Ceni, de 82 anos, é natural de Erechim, no Rio Grande do Sul. Torcedor do Inter, ele não escondeu o sonho de ver Rogério treinar o clube colorado no futuro.

- Espero que ele tenha a oportunidade de treinar o Inter. Vai juntar a fome com a vontade de comer. Vai ser uma felicidade indescritível

'FINAL' À VISTA PARA CENI

Na busca pelo Octa, o Flamengo de Rogério Ceni terá a decisão contra o Inter pela frente e em seus domínios. Neste domingo, às 16h, receberá o Internacional, no Maracanã e em duelo válido pela 37ª rodada do Brasileirão.

O duelo será fundamental para os dois principais postulantes ao título. Neste momento, restando duas rodadas, o Inter lidera a competição, com um ponto de vantagem sobre o Flamengo , o segundo colocado.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários