Duílio
Rodrigo Coca
Duílio

Adversários neste domingo, Corinthians e Flamengo têm as duas maiores torcidas do Brasil. Além disso, um clube busca no outro a sua inspiração. Com uma mudança recente na presidência , o Timão observa a recuperação estrutural do clube carioca e tem o Rubro-Negro como modelo para si mesmo. De acordo com o portal "globoesporte.com", a admiração é tanta, que o ex-presidente do clube carioca, Eduardo Bandeira de Mello foi procurado por dirigentes paulistas.

Na última sexta-feira, o diretor financeiro do Corinthians, Wesley Melo, teve uma reunião virtual com Bandeira. O dirigente corintiano queria colher mais detalhes sobre o processo de transformação do clube carioca, iniciado em 2013. O Flamengo reduziu suas dívidas e em paralelo multiplicou as suas receitas do clube.

O Corinthians chegou a ocupar o posto de clube mais rico do Brasil na década passada, mas os últimos anos foram de muitos gastos e poucas taças. Sucessor de Andrés Sanchez, o presidente Duilio Monteiro Alves assumiu o Timão com um discurso de austeridade.

Em vez da promessa de contratações bombásticas e elencos estrelados, ele afirmou que o seu objetivo é transformar o Corinthians em um clube mais organizado e preparado para o futuro. Inicialmente, a intenção é reduzir em 20% as despesas, inclusive no futebol. Por isso, cartolas têm dito em entrevistas que poucos reforços devem chegar na próxima temporada.

Eduardo Bandeira de Mello foi presidente do Flamengo de 2013 a 2018. No seu período, o clube carioca se reestruturou e deixou de ser uma equipe com muitos problemas financeiros para se transformar em uma das equipes com mais possibilidade de contratação no país.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários