Corinthians
Rodrigo Coca/Agência Corinthians
Corinthians

O Banco Bmg e o Corinthians  acordaram a extensão do contrato de patrocínio até 2026, em um novo formato. A parceria, que se iniciou em 2019, passou por um processo de transformação e, a partir de 22 de janeiro 2021, o banco cede o espaço de patrocinador máster do clube, estampando agora a omoplata da camisa dos jogadores da equipe masculina e também das atletas do time feminino.

Diante do anúncio já é dado como certo dentro do clube que a Neo Química deve assumir o espaço. A empresa, que comprou o nome da Arena do clube, já tinha conseguido, em contrato, uma prioridade para assumir o máster, assim que houvesse a liberação por parte do Bmg.  A formalização deve acontecer no começo da próxima semana e o Corinthians deve receber cerca de R$ 30 milhões por ano.

De acordo com nota oficial do clube, a mudança com o banco "reforça seu posicionamento de parceiro do clube, que visa fortalecer ainda mais o crescimento do time e o desejo de seus torcedores verem o Timão cada ano mais vitorioso".

Além disso, a partir dessa nova etapa da parceria, os correntistas do Corinthians Bmg passam a ter uma série de vantagens e benefícios exclusivos. “Com o acordo, focamos em trazer vantagens inéditas e exclusivas para os torcedores do time e que são nossos correntistas, em vez de priorizar apenas a visibilidade da marca. As negociações foram frutíferas e estamos muito contentes em reafirmar a nossa parceria com o Corinthians”, afirma Ana Karina Bortoni, CEO do Bmg.

“A parceria entre Corinthians e Bmg chega a uma nova etapa confirmando a maturidade desse acordo, que é muito importante e bem-vindo para as duas partes. Nessa renovação, banco e clube evoluem para fortalecer tanto a presença do Bmg no mercado quanto a competitividade do Corinthians no campo.”, comenta Duilio Monteiro Alves, presidente do clube.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários