Lance

Daniel Alves
Divulgação
Daniel Alves


O meio-campista Daniel Alves falou com os jornalistas na tarde desta quinta-feira. O jogador do São Paulo comentou sobre diversos assuntos, entre eles a nova formação da diretoria do clube.

No começo deste ano, Alexandre Pássaro , então gerente de futebol do São Paulo, anunciou sua saída. Logo depois, Muricy Ramalho chegou ao clube como coordenador técnico. Dani Alves comentou sobre as movimentações e disse que queria a continuação de Pássaro na diretoria. 

- Um grande prazer ter o Muricy junto com a gente, é um cara que faz parte da história do São Paulo, tem nosso respeito e admiração. De verdade, a única falta que sinto, que eu gostaria que tivesse continuado, foi o Pássaro. Trabalhou e batalhou com a gente, não gostaria que tivesse saído neste momento. No momento que a gente tinha dado uma estabilizada acabou tendo que nos deixar. Particularmente falando, gostaria que ficasse até o final com a gente. Mas enfim, tão pouco estou aqui para julgar decisões - afirmou.

Daniel também deu sua análise sobre o momento do São Paulo na temporada, já que não venceu ainda em 2021, com três derrotas e um empate. Para ele, o elenco precisa tirar o peso das costas.

Você viu?

- O que gostaria de dizer para meus companheiros é que tirem essa mochila pesada, todo esse retrospecto negativo, porque não é uma mochila que nos pertence. A mochila que nos pertence é a que estamos vivendo agora, é ela que temos que carregar até o final juntos, tentando tirar o São Paulo desta fila. Eu como são-paulino não estou contente com essa situação, sei o quão importante é o título - finalizou.

O São Paulo volta a campo contra o Coritiba, sábado, às 19h, no Morumbi. Um tropeço pode encurtar o caminho do treinador Fernando Diniz no CT da Barra Funda.


    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários