Lance

Sidcley
Reprodução/Instagram
Sidcley


O Corinthians resolveu mais uma pendência financeira nos últimos dias. Dessa vez o clube conseguiu quitar a dívida de 500 mil euros que tinha com o Dínamo de Kiev-UCR pelo empréstimo de Sidcley . Com isso, está afastada a possibilidade de uma sanção na Fifa por conta desse caso. A informação foi divulgada primeiramente pelo "Meu Timão" e confirmada pelo LANCE!.

Você viu?


Contratado no início de 2020, o lateral-esquerdo chegou ao Timão emprestado, mas com status de titular pelo que havia feito em sua primeira passagem, em 2018. No entanto, há algum tempo parado na Ucrânia e com dificuldades para se readaptar ao futebol brasileiro, sofreu com problemas físicos e nunca conseguiu se firmar. Antes do fim do contrato, foi afastado e deixou o clube.

O empréstimo de Sidcley foi negociado por 500 mil euros (R$ 3,2 milhões na cotação atual) e podendo ser pago de forma parcelada, em quatro vezes. No entanto, por conta das consequências da pandemia de coronavírus, o Corinthians não conseguiu honrar os pagamentos, o que fez com que o Dínamo de Kiev levasse o caso para a Fifa , o que poderia causar sanções.

No entanto, as partes entraram em acordo (o qual já era buscado desde o ano passado) e o Timão pagou a dívida neste início de 2021. Assim, evita qualquer punição na entidade máxima do futebol, que iria de perda de pontos, rebaixamento, até proibição de contratações. Recentemente, o  Corinthians também resolveu pendência com o Montevideo Wanderers-URU,  pela compra do zagueiro Bruno Méndez, que também corria risco de punição na Fifa.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários