Lance

Palmeiras domina primeiro Dérbi de 2021 e goleia o Corinthians por 4 a 0
Fábio Lázaro
Palmeiras domina primeiro Dérbi de 2021 e goleia o Corinthians por 4 a 0


Um passeio. Possivelmente esse seja o melhor termo para explicar a goleada por 4 a 0 do Palmeiras sobre o Corinthians, nesta quarta-feira (18), em jogo atrasado da 28ª rodada do Brasileirão, no Allianz Parque. Raphael Veiga e Luiz Adriano, cada um duas vezes, foram os autores dos gols no jogo.

Mesmo com um primeiro tempo equilibrado, até o Verdão abriu o placar, aos 33 minutos, o Alviverde sempre esteve tranquilo, controlando as ações, tendo mais posse de bola e trocando melhores passes que o rival, que dependia de esticadas individuais e bolas paradas para criar algumas chances nos primeiros 45 minutos.

Você viu?

BOM INÍCIO DO PALMEIRAS

O Palmeiras dominou as ações nos primeiros cinco minutos do jogo. Desde a saída de bola errada do Corinthians, o Alviverde tomou as ações ofensivas, mas tinha dificuldades na criação.

CORINTHIANS LEVA PERIGO PRIMEIRO

A resposta dada pelos corintianos para o bom início palmeirense foi na base da bola parada. Aos sete minutos de partida, o zagueiro Jemerson aproveitou uma bola cruzada pela direita, após cobrança de falta, cabeceou como manda o manual, no chão, e obrigou Weverton a fazer grande defesa.

PALMEIRAS TROCA BONS PASSES

Mas, ainda que o primeiro bom momento do jogo tenha sido do Corinthians, o Palmeiras seguiu tendo mais a bola que o rival. Mesmo que em alguns trechos da etapa inicial tenha caído de ritmo, logo voltava a trocar bons passes e levar dificuldades ao Timão, que buscava a sua criação em jogadas individuais de Gustavo Silva pela direita, mas sem um meio-campo criativo.

CORINTHIANS CHEGA MAIS AO GOL

Quando controlou o ímpeto do Palmeiras, o Corinthians resolveu criar e construiu as melhores oportunidades da etapa inicial, até os 33 minutos, quando o Alviverde abriria o placar.

Primeiramente, o Timão acertou a trave com o zagueiro Gil, que subiu mais que a defensiva palmeirense após cobrança de escanteio pela direita. Na sequência, Cazares encheu o pé na entrada da grande área e obrigou Weverton fazer grande defesa.

PALMEIRAS ABRE O PLACAR...

Quando o Corinthians tomava a frente da partida, o Palmeiras conseguiu abrir o placar, em lance construído da forma que vinha gerando perigo no início do jogo: troca de passes. Aos 33 minutos, Willian, inteligentemente, ganha o bote de Gabriel e serve Raphel Veiga, que bate seco no direito de Cássio para abrir o marcador.

...E POR POUCO NÃO AMPLIA...

Oito minutos após fazer o primeiro gol, o Palmeiras, aceso, quase marca o segundo, após nova boa jogada de Willian, que passa com facilidade por Fábio Santos, bate cruzado para entrada da pequena área, mas vê Fagner chegando primeiro que Luiz Adriano para interceptar.

...MAS DEPOIS AMPLIA

No entanto, quatro minutos depois o gol de Luiz Adriano saiu, e novamente com participação de Willian. Aos 45 minutos do primeiro tempo, Bigode recebeu lançamento em profundidade e serviu o seu companheiro de ataque, que escorou com gol vazio. Inicialmente, o bandeira Andre da Silva Bitencourt assinalou impedimento, mas após consulta ao VAR o árbitro Jean Pierre Gonçalves Lima confirmou o segundo tento palmeirense.

PALMEIRAS VOLTA AINDA MAIS ACELERADO

O Corinthians voltou para o segundo tempo com duas mudanças, Ramiro e Léo Natel no lugar de Cantillo e Matheus Vital, mas de nada adiantou. Os primeiros 30 segundos da etapa complementar foi o reflexo do Timão em todo os 45 minutos finais. Logo de cara, Weverton mandou um chutão pra frente, Cássio saiu estabanado do gol e ao tentar afastar o perigo acertou o rosto do zagueiro Jemerson, com a bola quase morrendo contra o patrimônio corintiano.

Na sequência, Cássio teve que aplicar um milagre, após Willian escorar uma cobrança de escanteio no segundo pau. Os palmeirenses ainda pediram gol, mas a bola não havia entrado totalmente.

Contudo, de tanto insistir o Palestra anotou o terceiro gol aos 3 minutos do segundo tempo. Luiz Adriano foi acionado no setor de ataque, mas deixou a bola par Raphael Veiga encher o pé de fora da área e ampliar o placar palmeirense.

LUIZ ADRIANO AMPLIA

E se o meia Raphael Veiga tinha ido às redes duas vezes, o centroavante Luiz Adriano não poderia ficar atrás. Aos 21 minutos da etapa final, Gabriel recuou mal a bola, o camisa 10 alviverde dividiu com Cássio, que tentou abafar, e colocou no fundo do gol, finalizando a goleada no Dérbi.

GABRIEL EXPULSO

O volante, ex-palmeirense, que já havia falhado em dois gols do rival perdeu a cabeça aos 30 minutos do segundo tempo, quando dividiu com Danilo, sofreu uma falta de ataque do volante adversário, mas na queda deixou o braço no rosto do atleta do Verdão. Após revisão no monitor, o árbitro Jean Pierre Gonçalves Lima expulsou o camisa 5 do Timão.

PODERIA SER MAIS

O Palmeiras chegou a balançar as redes mais duas vezes no segundo tempo, com Viña, aos 20 minutos, e Breno Lopes, aos 45, mas ambas as situações foram bem anuladas pela arbitragem por impedimento.

FICHA TÉCNICA

PALMEIRAS 4 x 0 CORINTHIANS

Data e Horário: 18 de janeiro de 2021, às 19h (horário de Brasília)
Local: Allianz Parque, São Paulo (SP)
Árbitro: Jean Pierre Gonçalves Lima (RS)
Assistentes: Leirson Peng Martins (RS) e Andre da Silva Bitencourt (RS)
Árbitro de vídeo: Rodrigo Guarizo Ferreira do Amaral (SP)
Público e renda: portões fechados
Cartões amarelos: Viña e Danilo (Palmeiras); Gustavo Silval, Gi e Xavier (Corinthians)
Cartão vermelho: Gabriel (Corinthians)
Gols: 1-0 Raphael Veiga (33'/1T); 2-0 Luiz Adriano (45'/1T); 3-0 Raphael Veiga (3'/2T); 4-0 Luiz Adriano (21'/2T)

CORINTHIANS: Cássio; Fagner, Jemerson, Gil e Fábio Santos; Gabriel, Cantillo (Ramiro, intervalo), Gustavo Silva (Xavier, 27'/2T), Cazares (Everaldo, 27'/2T) e Mateus VItal (Léo Natel, intervalo); Jô. Técnico: Vagner Mancini.

PALMEIRAS: Weverton; Mayke, Luan, Kusevic e Viña; Danilo, Zé Rafael, Gabriel Menino e Raphael Veiga (Pedro Acácio, 44'/2T); Willian (Breno Lopes, 23'/2T) e Luiz Adriano (Rony, 23'/2T). Técnico: Abel Ferreira.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários