Lance

Boca X Inter
Instagram
Boca X Inter


O Boca Juniors está nas quartas de final da Libertadores. Após o Inter vencer no tempo normal por 1 a 0, o time Xeneize levou a melhor nos pênaltis por 5 a 4. Com a classificação, o Boca Juniors encara o Racing na próxima fase do torneio continental.

O jogo
Com a necessidade de buscar o placar, o Internacional entrou em campo com o pé no acelerador. Na primeira troca de passes, Patrick achou Galhardo, que pegou de primeira. A bola explodiu no travessão.

Irreconhecível, o Boca Juniors assistia o Colorado jogar, que teve pelo menos mais duas boas oportunidades. Na primeira, Praxedes cabeceou e Andrada salvou. Pouco depois, Marcos Gulherme saiu em velocidade, mas tocou fraco na saída do goleiro e o camisa 1 pegou.

Na etapa final a pressão do Inter deu certo logo aos 2 minutos. Moisés invadiu a grande área, cruzou rasteiro e Fabra, quando tentou cortar, jogou contra o próprio gol, 1 a 0.

Após levar o gol, o Boca Juniors resolveu sair para o ataque e tomou conta do sistema ofensivo. Tevez era acionado e na jogada individual, entortou Moledo e exigiu ótima defesa de Lomba.

Confortável na defesa, o Inter teve a bola do jogo perto dos 40 minutos. Após cobrança de escanteio, Andrada falhou de forma bizarra e Victor Cuesta, com o gol livre, mandou para fora.

Pênaltis

Na marca da cal, o Boca Juniors foi mais efeitvo. Em seis cobranças, o Xeneize acertou cinco. Já o Internacional desperdiçou dois chutes através de Rodrigo Lindoso e Peglow. No fim, vitória argentina por 5 a 4.

BOCA JUNIORS (5) 0 x 1 (4) INTERNACIONAL
Local:
La Bombonera, Buenos Aires (ARG)
Data-Hora: 09/12/2020 – 21h30
Árbitro: Roberto Tobar (CHI)
Auxiliares: Christian Schiemann (CHI) e Claudio Rios (CHI)
VAR: Julio Bascuñan (CHI)
Público/renda: pagantes/R$
Cartões amarelos:
(BOC), D’Alessandro, Moisés, Abel Braga (INT)
Cartões vermelhos: Obando (BOC)
Gols: Fabra (2’/2ºT)

BOCA JUNIORS: Andrada; Buffarini (Jara, aos 14/2ºT), Lisandro López, Izquierdoz e Fabra; Capaldo, Campuzano, Cardona e Salvio; Villa (Obando, aos 14/2ºT) e Tevez. Técnico: Miguel Ángel Russo.

INTERNACIONAL: Marcelo Lomba; Rodinei, Victor Cuesta, Rodrigo Moledo e Moisés; Edenilson, Rodrigo Lindoso, Praxedes (Rodrigo Dourado, aos 35/2ºT) e Patrick (Leandro Fernández, aos 49/2ºT); Marcos Guilherme (Yuri Alberto, aos 22/2ºT) e Thiago Galhardo (Peglow, aos 35/2ºT). Técnico: Abel Braga.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários