Lance

undefined
LANCE!/NOSSO PALESTRA
Palmeiras reencontra Atlético-GO novamente com técnico interino


O Palmeiras entra em campo neste domingo (25), às 16 horas, para encarar o Atlético-GO , em jogo válido pela décima oitava rodada do Brasileirão de 2020. Se depender do retrospecto recente, o torcedor alviverde pode se animar com um possível fim de um incômodo jejum de vitórias do clube na competição, que já dura quatro rodadas.

A última vez que o Verdão visitou o Dragão em Goiânia, em 2017, a torcida alviverde fez a festa na vitória por 3 a 1, com gols de Willian, Moisés e Dudu. Apesar de não balançar as redes naquela tarde de domingo, o atacante Keno foi o nome do jogo, com três grandes assistências para os gols que definiram o triunfo alviverde.

Assim como no duelo de hoje, naquela ocasião o Palmeiras também era comandado por um técnico interino. Alberto Valentim assumia o time três dias depois de Cuca ter sido demitido, após um empate em 2 a 2 diante do Bahia, no Pacaembu. Valentim ficou no comando do alviverde até o final da temporada, quando a diretoria resolver trazer Roger Machado para o comando técnico da equipe.

Desta vez, Andrey Lopes comanda o alviverde pela quarta vez na história, buscando a sua primeira vitória no Brasileirão deste ano. Apesar de ter um bom retrospecto no banco do Palmeiras, ‘Cebola’ sabe que sua passagem como interino deve ser passageira, assim como foi no final de 2019.

O Palmeiras não perde para o Atlético-GO desde 2012. De lá pra cá, foram quatro jogos e quatro vitórias alviverdes. O retrospecto geral também é favorável ao Verdão: em 14 jogos, foram sete vitórias, um empate, e seis derrotas, com 20 gols marcados e 18 gols sofridos.

Atlético-GO x Palmeiras será transmitido pela Rede Globo (TV Aberta para os estados de AL, GO, PA e SP) e Premiere (pay-per-view para todo o Brasil).

Antes da partida, a delegação do Palmeiras desembarcou na capital de Goiás e deu de cara com um protesto da Mancha Alviverde. Com faixas contra Maurício Galiotte e Anderson Barros e cantos contra o elenco, o grupo organizado se posicionou na entrada do hotel no qual o clube está instalado.

A Mancha já havia prometido novos protestos após a saída de Vanderlei Luxemburgo. Na sábado passado, a delegação já havia sido recebida com protestos em Fortaleza (CE). No entendimento da organizada, há uma grande parcela de culpa da má fase que cabe aos atletas e à direção.

​"Vergonha, time sem vergonha" e "Maurício banana" foram cânticos ouvidos durante o protesto que não culminou em violência ou atos que necessitassem de intervenção policial. 


Relembre como foi a vitória por 3 a 1 do Palmeiras sobre o Atlético-GO, pelo Brasileirão de 2017:

    Veja Também

    Mais Recentes

      Mostrar mais

      Comentários