A semana está sendo de perda no futebol. Após a confirmação do falecimento de Écio Capovilla, na segunda-feira , morreu na terça-feira o ex-atacante Walter Machado da Silva, conhecido como Silva “Batuta” , ídolo do Flamengo e com passagens de sucesso por Corinthians, Vasco e Racing-ARG .

Internado do Hospital Pró-Cardíaco em Botafogo, Zona Sul do Rio de Janeiro, ele estava com Covid-19 , mas a causa da morte ainda não foi revelada oficialmente.

Após o falecimento, o Flamengo postou uma homenagem ao jogador, que no clube Rubro-Negro marcou 70 gols em 132 partidas, além de conquistar o Campeonato Carioca de 1965.


Depois de um início no Batatais e Botafogo-SP, o ex-jogador chegou ao Corinthians em 1961 e, depois de quatro anos de muitos gols pelo Timão, foi contratado pelo Flamengo.

Atuando no time carioca, o jogador foi convocado para a Copa de 1966, formando o ataque com Pelé e Jairzinho na derrota por 3 a 1 para Portugal. Ao todo, fez seis jogos e anotou dois gols pela Seleção.

    Veja Também

      Mostrar mais