Lance

undefined
Alexandre Guariglia
Com gol de pênalti, Sport bate o Corinthians na Ilha do Retiro


Jogando como mandante, o Sport bateu o Corinthians por 1 a 0, nesta quarta-feira, na Ilha do Retiro, pela 12ª rodada do Brasileirão-2020 e subiu para a sétima posição na tabela. Iago Maidana, cobrando pênalti, deu a vantagem para o Rubro-Negro de Recife. Já os visitantes, que não tiveram boa atuação, reclamaram de pênalti não marcado no início do segundo tempo.

Logo no primeiro minuto de jogo, parecia que o Timão tomaria as rédeas da partida quando Lucas Piton arriscou chute de longe e conseguiu escanteio, mas a partir dali o Leão, como dono da casa, dominou as ações no campo de ataque. Tanto é que aos seis minutos o estreante Thiago Neves finalizou de fora da área, mostrando quem iria mandar na etapa inicial do duelo desta quarta.

Não demorou muito para pintar a primeira grande chance do Sport, quando novamente Thiago Neves tentou a finalização, a bola desviou na zaga corintiana e sobrou para Lucas Mugni, que improvisou uma espécie de voleio e chutou para Cássio salvar o Alvinegro, que naquela altura da partida pouco ameaçava o adversário, até que Piton cruzou para Jô cabecear por cima do travessão.

Essa chance, porém, foi uma das poucas do Corinthians, que tinha muita dificuldade de criar jogadas a partir do meio-campo, que não se aproximava do ataque. Nem mesmo Fagner, uma das principais armas do time, conseguiu terreno para avançar. A melhor chance veio quando Roni tocou para Jô que, de calcanhar, deixou para Everaldo arriscar belo chute, que acertou a trave.

O Sport continuava melhor e já tinha exigido uma grande defesa de Cássio em chute de Ricardinho, de longe. O goleiro, porém, teve uma missão difícil perto do fim da primeira etapa, quando o árbitro viu Everaldo bloquear com o braço, dentro da área, chute de Jonatan Gómez. Pênalti para o Leão, que Iago Maidana bateu e converteu para abrir o placar merecidamente para a equipe da casa.

Na volta do intervalo, Dyego Coelho veio com Luan no lugar de Everaldo e o meia-atacante já se envolveu em um lance polêmico, quando, após escanteio, seu cabeceio, que tinha a direção do gol, desviou no braço de Sander. O VAR checou a jogada para um possível pênalti, mas o árbitro mandou seguir. Além disso, a entrada do camisa 7 pouco acrescentou às necessidades do time.

Enquanto isso, o Sport continuava melhor e assustava mais do que o adversário. Jonatan Gómez aproveitou ajeitada de bola na frente da área e arriscou chute colocado, que passou muito perto do gol. A impressão é de que Cássio não teria chances. No entanto, em lance seguinte, a bola sobrou para Thiago Neves dentro da área e o goleiro corintiano colocou para escanteio.

Sem conseguir a imposição em cima do Leão, Dyego Coelho lançou a campo três substituições de uma vez. Entraram Ramiro, Cantillo e Léo Natel. Com isso, o Corinthians conseguiu ficar mais com a bola no campo de defesa do adversário e esboçou ampliar o campo com Fagner de um lado e Natel do outro. Cantillo, pelo meio, articulou algumas jogadas e até arriscou chute.

Embora o Corinthians tenha conseguido ficar mais com a bola e ganhado mais campo, o Sport teve uma marcação muito forte e eficiente, que impediu qualquer tentativa do adversário de empatar o placar. Coelho ainda tentou colocar Mantuan no lugar de Fagner já no fim do jogo, mas não houve efeito. O Timão arriscou jogadas aéreas, procurando Jô, porém sem sucesso.

Somente os 45 minutos, Léo Natel arriscou de longe e Luan Polli defendeu bem. Em seguida, Gil tentou o chute, que desviou e saiu por cima do gol. Foram as duas grandes chances alvinegras em todo o segundo tempo da partida.

Diante dessa eficiência na defesa, o Sport conduziu o resultado até o fim do jogo. Com a vitória, o Leão vai a 17 pontos na competição e sobe para a sétima posição na tabela. Agora pega o Bahia, fora de casa. Enquanto o Corinthians permanece com 12 pontos na 13ª posição e agora enfrenta o Atlético-GO, na próxima quarta-feira, em jogo adiado da primeira rodada do campeonato.

FICHA TÉCNICA
SPORT 1 X 0 CORINTHIANS
Local:
Ilha do Retiro, Recife (PE)
Data-Hora: 23/9/2020 - 21h30
Árbitro: Wilton Pereira Sampaio (Fifa/GO)
Assistentes: Rodrigo Figueiredo Henrique Correa (Fifa/RJ) e Eduardo Gonçalves da Cruz (MS)
VAR: Eduardo Tomaz de Aquino Valadão (GO)
Público/renda: Portões Fechados
Cartões amarelos: Marcos Serrato, Jonatan Gómez e Sander (SPT) Cássio, Fagner, Everaldo e Danilo Avelar (COR)
Cartões vermelhos: -
Gols: Iago Maidana (36'/1ºT) (1-0)

SPORT: Luan Polli; Patric, Iago Maidana, Adryelson e Sander (Luciano Juba, aos 41'/2ºT); Marcão e Ricardinho; Lucas Mugni, Thiago Neves (Bruninho, aos 28'/2ºT) e Jonatan Gómez (Marcos Serrato, aos 17'/2ºT); Hernane (Rogério, aos 28'/2ºT). Técnico: Jair Ventura.

CORINTHIANS: Cássio; Fagner (Mantuan, aos 38'/2ºT), Gil, Danilo Avelar e Lucas Piton; Xavier (Ramiro, aos 18'/2ºT) e Roni (Léo Natel, aos 18'/2ºT); Otero, Mateus Vital (Cantillo, aos 18'/2ºT) e Everaldo (Luan, no intervalo); Jô. Técnico: Dyego Coelho.

    Veja Também

      Mostrar mais