Lance

Flamengo perde para o Sport
Lance
Flamengo perde para o Sport

A falta de rotação custou caro ao Flamengo diante do Ceará. Com atuação abaixo da média em partida na qual teve várias mudanças de escalação, a equipe de Domènec Torrent foi derrotada por 2 a 0 na noite deste domingo, na Arena Castelão, em jogo válido pela décima rodada do Brasileirão. Luiz Otávio e Charles marcaram os gols do triunfo do Vozão, que salta para 13 pontos na competição. Os rubro-negros seguem nos 17 pontos.

O Flamengo volta agora suas atenções no meio de semana para a Copa Libertadores, na qual enfrenta o Independiente del Valle-EQU, nesta quinta-feira, às 21h, no Estádio Casa Blanca. O Ceará, por sua vez, encara na quarta-feira às 21h30 o Brusque, no Estádio Augusto Bauer, pelo jogo de ida da quarta fase da Copa do Brasil.

LAMPEJOS

Com seis mudanças em relação à equipe que derrotou o Fluminense, o Rubro-Negro conseguia dominar as ações e acuava o Ceará. Entretanto, esbarrava em erros de passes e se resumia a jogadas fortuitas. Isla cruzou com precisão e Gabigol irrompeu livre entre os zagueiros, mas cabeceou para fora. Em seguida, Everton Ribeiro acionou o camisa 9, que se desvencilhou da marcação e encheu o pé, mas a bola foi para fora.

QUE MARASMO...

A opção do técnico Domènec Torrent por escalar Michael e Vitinho como pontas voltou a trazer dores de cabeça para o Flamengo. Ambos não conseguiram fazer com que a equipe seguisse previsível ofensivamente. Mais acionado, o camisa 11 tentou se desvencilhar dos marcadores, mas se atrapalhou na tomada de decisões. O Ceará, por sua vez, seguia fechado em busca de contra-ataques, mas penava para encontrar uma jogada precisa, tornando a etapa inicial morna.

FLA COCHILA, VOZÃO NÃO VACILA

O Ceará voltou mais impetuoso do intervalo e construiu sua vantagem com inteligência. Após escanteio cobrado, Luiz Otávio aproveitou a brecha entre Gustavo Henrique e Léo Pereira e cabeceou com força para a rede aos quatro minutos. Empolgada, a equipe de Guto Ferreira manteve seu ímpeto e chegou ao 2 a 0 aos dez. Em bola cruzada, Charles surgiu em meio à defesa vulnerável do Rubro-Negro para desviar de perna esquerda aos dez. A vantagem quase foi ampliada logo em seguida: depois de César sair mal, a zaga do Flamengo permitiu a bola sobrar para Vina, que concluiu para fora.

VAI COM TUDO... E NÃO DÁ EM NADA!

Nem mesmo as entradas de Pedro e Diego causaram a esperada mudança de panorama do Flamengo. Muito consistente, o Ceará fechou espaços para Gabigol e só foi ameaçado com clareza em investida aos 32. Vitinho chutou forte e Fernando Prass espalmou. Na sobra, Diego cabeceou para fora. Partindo para o "abafa", o Rubro-Negro apostou em jogadas lançadas para Gabigol e Lincoln, mas pouco assustou o Ceará. Mais firme, o Vozão se redimia após duas derrotas consecutivas. Cabe ao Rubro-Negro voltar suas atenções na Copa Libertadores.

FICHA TÉCNICA

CEARÁ 2x0 FLAMENGO

Data-Hora: 13-09-20 - 18h
Estádio: Arena Castelão, em Fortaleza (CE).
Árbitro: Marielson Alves Silva (BA)
Assistentes: Alessandro Alvaro Rocha de Matos (Fifa/BA) e Jucimar dos Santos Dias (BA)
VAR: Marcio Henrique de Gois (SP)

Cartões amarelos: Ricardinho (CEA),

Gol: Luiz Otávio, 4/2T (1-0), Charles, 11/2 (2-0)

CEARÁ: Fernando Prass; Samuel Xavier, Tiago Pagnussat, Luiz Otávio e Bruno Pacheco; Charles, Ricardinho (Bergson, 41/2T) e Vina (Lima, 25/2T); Fernando Sobral, Leandro Carvalho (Mateus Gonçalves, 29/2T) e Cléber (Marthã, 41/2T). Técnico: Guto Ferreira

FLAMENGO: César; Isla (Matheuzinho, 33/2T), Léo Pereira, Gustavo Henrique e Renê; Willian Arão, Thiago Maia (Diego, 21/2T) e Everton Ribeiro; Vitinho (Lincoln, 33/2T), Michael (Pedro, 9/2T) e Gabigol. Técnico: Domènec Torrent.

    Veja Também

      Mostrar mais