Fred Ring
Instagram
Fred Ring

O ex-apresentador Fred Ring, que deixou recentemente o Grupo Globo , acusou o SporTV, sua antiga emissora e todo o grupo da empresa carioca, de tentar influenciar diretamente na visão ideológica dos seus funcionários. De acordo com ele, a sua saída aconteceu por ele não compartilhar do que seria a visão do grupo carioca.

"O que me parecia algo subjetivo durante os anos no canal, de que havia um direcionamento mais para cá ou mais para lá, para falar menos de um assunto e engajar mais em outra causa, começou a se tornar algo batido mesmo, que me incomodava", contou em participação na "Jovem Pan".

O ex-apresentador citou como exemplo uma situação em que, após a exibição de uma matéria sobre automobilismo em que aparecia o governador de São Paulo, João Dória (PSDB), em que ele teria sido orientado no ponto eletrônico a criticar o tucano.

"Eu não achava que nem deveria vir uma ordem desse tipo e nem que era minha responsabilidade encaminhar essas palavras como minhas. O canal tomou um direcionamento ideológico que eu não concordava", lembrou.

Além disso, o jornalista alfinetou a comentarista do grupo Globo, Ana Thais Mattos.

"Havia uma perseguição pessoal. Posso sentir isso de lá de dentro. Posso dizer que, muitas vezes, o canal me bancou e me defendeu. Mas havia uma perseguição de uma comentarista mulher, loira, que lacra pra caramba. Não vou falar o nome, mas ela aparece na Rede Globo, faz jogos e está colecionando inimigos, essa é a minha sensação, e eu fui um deles. Então, resolvi ir embora", disse Ring.

Fred Ring apresentou o programa "Tá na Área" desde 2018. 

    Veja Também

      Mostrar mais