Gabriel Cortez
Instagram
Gabriel Cortez

Gabriel Cortez colecionou mais uma polêmica extracampo. Marcado por ter um 'currículo' forte fora das quatro linhas, o equatoriano foi afastado do Botafogo no fim de semana por fazer uma live no Instagram na madrugada da última sexta-feira. Na transmissão, o meia, inclusive, elogiou o Flamengo, chamando o Rubro-Negro de "maior do Brasil".

"Fiz uma live no Instagram com um amigo e disse que o Barcelona no Equador é o maior, assim como o Flamengo é no Brasil. É normal", afirmou Cortez, em entrevista ao Jornal Expresso, do Equador.

O equatoriano nega que tenha ingerido bebida alcoólica durante a transmissão ao vivo. Além disto, o meio-campista afirmou que a diretoria do Botafogo está tentando lhe prejudicar.

"O Botafogo teve que jogar um amistoso e os torcedores pensaram que eu estava com o time, mas estava em casa. Agora eles (dirigentes) tiram coisas. Eu nunca estava bebendo, eu estava em casa, eu não estava bebendo. As coisas não são assim, estão prejudicando minha imagem", declarou.

A diretoria tomou a decisão de rescindir com o jogador no fim de semana, mas antes mesmo Cortez já tinha noção de que não seria aproveitado por Paulo Autuori. O equatoriano, contudo, não entendeu o motivo da decisão.

"Não sei o que aconteceu, conversei com o professor (Paulo Autuori) e um dia ele me chamou à parte e me disse que não contava comigo e que o Clube não ia me comprar", completou.

    Veja Também

      Mostrar mais