A Fifa puniu o atante Rony, do Palmeiras , por quatro meses, por conta da ação judicial do Albirex Niigata, do Japão. A punição vale imiediatamente a partir desta segunda-feira (13).


Rony
Divulgação / Palmeiras
Rony


Além da punição, Rony terá que pagar ao clube US$ 1.129,499 (cerca de R$ 6 milhões, na cotação atual), acrescidos de 5% de juros a partir de março de 2019 até a data do pagamento, cujo prazo limite é de 30 dias. A decisão pode ser contestada no Tribunal Arbitral do Esporte (CAS, na sigla em inglês) dentro de um período de 21 dias.

Em 2017, o Cruzeiro emprestou Rony por um ano ao Albirex Niigata, que se via sem condições de exercer a compra na ocasião por conta de uma pendência tributária.

Quando a situação se normalizou, segundo o clube, foi acertada a aquisição em definitivo por três anos. Ao final do período de empréstimo, mas Rony  alegou não ter assinado esse vínculo e retornou para o Brasil.

    Leia tudo sobre: Futebol

    Veja Também

      Mostrar mais