Lance

Casagrande criticou postura dos políticos
REPRODUÇÃO / SPORTV
Casagrande criticou postura dos políticos

O comentarista Walter Casagrande fez duras criticas a 'falta de liderança' de alguns gestores do poder público durante a pandemia nesta segunda-feira, durante o programa 'Bem, Amigos, do SporTV'. Casão citou o prefeito do Rio de Janeiro, Marcelo Crivella (PRB), como exemplo.



- O prefeito do Rio de Janeiro não consegue decidir se vai ter futebol ou não. Passa para lá, para cá. Uma falta clara de liderança, de convicção - afirmou.

O comentarista disse ainda que a falta de liderança causa instabilidade e que a constituição deve ser cumprida e não ser alvo de debates.

- Quando não tem liderança, nada que se decide você sabe se vai ser mantido ou não. Estamos em um momento de falta de liderança. A Constituição não é para ser citada o tempo todo, ela é para ser respeitada. Quando se fala em Constituição a todo o momento, é porque estão tentando violá-la - disse.

Casagrande concluiu dizendo que a Media Provisória 984, assinada pelo presidente Jair Bolsonaro, que modifica a forma de venda de transmissão de jogos de futebol dando a prerrogativa para o clube mandante da partida, é uma forma de 'chutar a Constituição'.

- É simples. É só respeitar a Constituição, que ninguém vai lembrar que ela existe. No Brasil, estão constantemente tentando chutar a Constituição. Estão chutando até em uma questão de contrato de transmissão - afirmou.

    Veja Também

      Mostrar mais