Roger Federer é o mais bem pago do mundo
Reprodução
Roger Federer é o mais bem pago do mundo

A lista dos mais bem pagos do mundo mostrou uma queda nos vencimentos dos atletas por conta da pandemia do coronavírus . Porém, mais do que isso, escancarou mais uma vez a desigualdade entre os homens e as mulheres quando o assunto são os valores recebidos.

De acordo com a edição 2020 do ranking da Forbes, apenas duas atletas femininas estão no privilegiado grupo dos 100 mais bem pagos no mundo. São elas: as tenistas Naomi Osaka (29º lugar, com US$ 30 milhões) e Serena Willians (33ª posição). Essa é a primeira vez que mais de uma mulher faz parte do ranking desde 2016, quando Serena Williams apareceu com Maria Sharapova, também tenista.

Leia mais: Ex-presidente quer Neymar no Barça e elogia: "é o melhor depois do Messi"

O tenista Roger Federer figura esse ano como o atleta mais bem pago do mundo, se tornando o nono diferente a conquistar o 1º lugar desde 1990, primeira vez em que a Forbes começou a acompanhar os ganhos. Ele também é o primeiro tenista na história a chegar ao topo da lista. A publicação aponta que o suíço acumulou ganhos aproximados de US$ 106 milhões, o equivalente a R$ 578 milhões.

Federer aparece à frente de Cristiano Ronaldo , Lionel Messi e Neymar , único esportista brasileiro, aliás, a figurar na lista dos 10 mais ricos, com rendimentos na casa dos R$ 520 milhões. Além dele, o único outro brasileiro presente e o jogador Oscar, que atua no time chinês Shanghai SIPG, na 56ª posição.

Depois dos craques dos gramados, aparecem os astros da NBA, como Lebron James , Stephen Curry e Kevin Durant . Fechando o ranking dos dez atletas mais abastados, estão o golfista Tiger Wood e os jogadores de futebol americano Kirk Cousins e Carson Wentz.

No total, os 100 atletas mais bem pagos ganharam US$ 3,6 bilhões este ano, 9% menos do que em 2019, na primeira queda desde 2016. A NBA é a liga mais representada na lista, mas os jogadores da NFL tiveram o melhor ano como grupo, graças ao início da temporada no final do verão norte-americano, que antecedeu o coronavírus.

No total, 31 estrelas do futebol americano apareceram na lista, contra 19 no ano passado. Em contraste, os jogadores da MLB foram os mais atingidos após o adiamento, em março, do campeonato. Apenas um jogador profissional de beisebol, o arremessador do Los Angeles Dodgers Clayton Kershaw , aparece na lista, bem abaixo dos 15 incluídos em 2019.

Veja o Top-10 abaixo:

Roger Federer - Tenista - 106,3 milhões de dólares
Cristiano Ronaldo - Juventus - 105 milhões de dólares
Lionel Messi - Barcelona - 104 milhões de dólares
Neymar - PSG - 95,5 milhões de dólares
LeBron James - Los Angeles Lakers (NBA) - 88,2 milhões de dólares
Stephen Curry - Golden State Warriors (NBA) - 74,4 milhões de dólares
Kevin Durant - Brooklyn Nets (NBA) - 63,9 milhões de dólares
Tiger Wood - golfista - 62,3 milhões de dólares
Kirk Cousins - Minnesota Viking (NFL) - 60,5 milhões de dólares
Carson Wentz - Philadelphia Eagles (NFL) - 59,1 milhões de dólares

    Leia tudo sobre: Futebol

    Veja Também

      Mostrar mais