Gabriel Pereira assina novo contrato
Instagram
Gabriel Pereira assina novo contrato

O Corinthians deu um aumento de salário para o atacante Gabriel Pereira, tido como a revelação do clube que substituirá Pedrinho, recentemente vendido para o Benfica de Portugal e que não deve mais vestir a camisa do alvinegro.

O contrato segue valendo até abril de 2022, mas, com a nova remuneração, a multa rescisória passa a ser de 25 milhões de euros (R$ 150 milhões pela cotação atual). O valor foi informado, em um primeiro momento, pelo Globo Esporte.com e confirmado pela reportagem do iG.

Leia mais: Corinthians diz ser contra retorno e critica times que retomaram os treinos

Hoje na base, o jogador, de 18 anos, chegou ao alvinegro na temporada de 2018, vindo do Guarani. Ele foi um dos atletas que defenderam o Corinthians, esse ano, na Copa São Paulo de Futebol Júnior.

Por meio do Instagram, o jogador agradeceu o novo acordo, em uma rápida mensagem. “Obrigado a todos os envolvidos e aos torcedores do Corinthians. Uma honra continuar com esse manto. Sonhos sendo realizados. Vamos por mais”, escreveu.  

Gabriel é visto como uma grande promessa no clube. Além da qualidade técnica, o Corinthians trata o jogador com forte potencial de venda futura. Internamente, defensores alegam que ele é mais habilidoso que o próprio Pedrinho, principalmente no chamado “um contra um”.

Por ser muito novo, o atacante, que treinava até a parada com o elenco do sub-20 do Corinthians, passará por uma fase transição para o profissional, podendo, inclusive, ser utilizado primeiro pelo sub-23, antes de se juntar ao elenco comandado pelo técnico Tiago Nunes.

Atualmente, o Sub-20 do Corinthians realiza treinos em casa, assim como o elenco do profissional. Ainda não há uma data para um retorno ao centro de treinamento. 

    Veja Também

      Mostrar mais