A Fifa decidiu adiar em um ano a primeira edição de seu novo Mundial de Clubes, de acordo com o jornal "As". A decisão da entidade é em decorrência da pandemia do novo coronavírus.

Leia também: "É melhor esperar um pouco mais do que correr riscos", diz presidente da Fifa

Fifa arrow-options
Reprodução / Liverpool
Novo Mundial de Clubes da Fifa á adiado


A publicação diz que a organização decidiu remarcar a competição, que aconteceria em junho de 2021, para junho 2022, cinco meses antes da próxima Copa do Mundo. Fazer o torneio em 2021 ou 2023 também eram opções, mas que foram descartadas porteriormente.

Leia também: ''Piores momentos da minha vida", revela Pepe Reina, que contraiu coronavírus

A entidade foi obrigada a abrir espaço no calendário para a realização da Eurocopa e da Copa América, que ocorreriam entre junho e julho deste ano, mas precisaram ser adiadas por conta da pandemia. Os torneios serão realizados justamente na janela antes reservada para o novo Mundial.

O torneio, que acontecerá na China, será chamad de "Super24", por contar com 24 equipes do mundo todo. A intenção do presidente Gianni Infantino, de acordo com o jornal, é que que o "Super Mundial" passe a ser uma grande atração e reúna equipes relevantes de todo o planeta, sendo realizado de quatro em quatro anos.

Apesar da mudança logo em sua edição de estreia, o novo Mundial de Clubes deve voltar ao espaço original na segunda edição, ou seja, acontecerá em junho de 2025.

Leia também: Após adiamento da Eurocopa, Fifa cancela Mundial de Clubes de 2021

O Mundial de Clubes de 2021 aconteceria entre 17 de junho e 4 de julho de 2021 e o Flamengo era o único clube confirmado. Cada confederação definirá os critérios de escolha dos representantes, mas a prrincípio serão oito times da Europa, seis da América do Sul e as demais vagas para os outros continentes.

    Leia tudo sobre: Futebol

    Veja Também

      Mostrar mais